Redes Sociais22/03/2014 | 18h26

''Segurança gato do Metrô'' terá que sair da estação da Sé, em São Paulo

Por conta do assédio, o segurança Guilherme está dando trabalho aos demais seguranças do Metrô

Enviar para um amigo
''Segurança gato do Metrô'' terá que sair da estação da Sé, em São Paulo Reprodução/F5
"Gato" pretende seguir o ramo artístico, mas não como modelo Foto: Reprodução / F5
O "segurança gato do metrô", estação da Sé, na capital paulista, que ficou conhecido na segunda-feira, dia 17, após ter fotos divulgadas pelo Tumblr "Flagrei" e repercutidas nas páginas do Facebook "Gina Indelicada" e "Hugo Gloss", será deslocado para outra estação onde "passe um pouco despercebido". O problema, segundo um colega de trabalho, não é ele, são os fãs.

— Ela não dá trabalho, quem dá é o pessoal —, diz um dos funcionários do Metrô em entrevista ao site de entretenimento F5, do jornal Folha de S. Paulo.

E em menos de 24 horas, Guilherme Sanches Leão, de 22 anos, tinha mais de 100 mil curtidas nas fotos divulgadas na rede social, ficando conhecido como o "segurança gato do metrô". Guilherme foi convidado, inclusive, para participar programa "Encontro com Fátima Bernardes".

Segundo o F5, o "gato" fez trabalhos como modelo na adolescência, e saiu até como "Colírio" na revista "Capricho". Porém, com os trabalhos diminuindo, Guilherme foi trabalhar como segurança no Metrô, em São Paulo. 

Agora que está na mídia, não descarta voltar ao ramo artístico. Ele pretende seguir no teatro.

Comentar esta matéria Comentários (0)

Esta matéria ainda não possui comentários
clicRBS
Nova busca - outros