Ilustrador de "V de vingança" surpreende com autógrafos no primeiro dia da ComicCon RS - Hora

Versão mobile

O homem da máscara20/08/2016 | 18h28Atualizada em 20/08/2016 | 18h39

Ilustrador de "V de vingança" surpreende com autógrafos no primeiro dia da ComicCon RS

David Lloyd atendeu o público em sessão fora da agenda. Maior convenção de quadrinhos e cultura pop do Estado se estende até domingo, no Campus da Ulbra

Ilustrador de "V de vingança" surpreende com autógrafos no primeiro dia da ComicCon RS André Ávila/Agencia RBS
Foto: André Ávila / Agencia RBS
Alexandre Lucchese

Até o final deste sábado, cerca de 2 mil pessoas devem passar pelo campus da Ulbra, em Canoas, para visitar a ComicCon RS, maior convenção de quadrinhos e cultura pop do Estado. Em sua sexta edição, que segue até domingo, mais de 50 convidados nacionais e internacionais participam de debates e palestras. 

Quem visitou o evento nesse primeiro dia se surpreendeu com a presença do inglês David Lloyd, ilustrador de V de Vingança, autografando em um dos estandes. Com bate-papos marcados ao longo do dia, Lloyd só tinha sessão de autógrafos marcada para o domingo, mas resolveu atender os fãs, que logo formaram uma longa fila – era preciso aguardar mais de 40 minutos ser recebido pelo artista. Com diferentes canetas, Lloyd não só assinava os volumes que lhe entregavam como também traçava desenhos exclusivos em cada um deles.

Leia mais:
"Nunca vi nenhum filme de super-herói", diz David Lloyd
"American horror story" ganha poster e teasers da 6ª temporada
Morre ator que interpretou o robô R2-D2 da franquia "Star Wars"

– V é um personagem forte, fala de coisas importantes, que atingem diferentes tipos de de pessoas. Infelizmente, muita gente vive situações de ditadura e repressão, por isso se sente contemplada pela história do personagem. No entanto, ao criar, jamais imaginei que teria essa popularidade – disse o ilustrador, entre um autógrafo e outro. 

Na fila, havia gente que veio de longe para ver o ídolo, como o estudante Lúcio Hiko, 26 anos, que encarou mais de quatro horas em um ônibus vindo de Santa Maria:

– Já fui a muitas convenções, e geralmente os ilustradores assinam as edições ou desenham em alguma folha separada. É algo especial ter o Lloyd desenhando na própria HQ.

Dezenas de expositores de diferentes regiões do Brasil também participam do encontro, vendendo álbuns de quadrinhos, pôsteres e outros artigos.

– Gosto muito de convenções, pois é um modo de conhecer e formar público, mas é a primeira vez que venho expor no Rio Grande do Sul. Estou achando o público muito participativo, e a circulação está muito boa – avalia o ilustrador Victor Moura, que veio do Rio de Janeiro.

Também não faltaram cosplays de diferentes personagens. Fantasias do Esquadrão Suicida e da saga Star Wars eram as mais populares, mas não as únicas. O desenvolvedor de software Eduardo Azambuja, 45 anos, por exemplo, foi à convenção vestido de Dr. Octopus, inimigo de Homem Aranha. 

– Gosto muito de ver a reação das crianças, que costumam ver o personagem apenas nos quadrinhos. De repente, elas dão de cara com ele materializado – diverte-se Azambuja. 

Como Octopus, aproveitou para disparar uma provocação ao seu rival:

– Estou só esperando o Homem Aranha chegar!


 

Siga npdalingua no Twitter

  • npdalingua

    npdalingua

    Na Ponta da LínguaE aí o @zcloficial resolve postar foto sem camisa... Só digo uma coisa... Tá longe de ser o #Zulu 😒 #npdl… https://t.co/gfxOTBcNrxhá 3 diasRetweet
  • npdalingua

    npdalingua

    Na Ponta da LínguaVai rolar uma "pegada made in roça" na @Fields_sc 😍 Mazahh, Loubet, tu não fica fazendo propaganda se não for entre… https://t.co/9j8n6OHJVuhá 3 diasRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros