Cenas de Santo sem Domingos Montagner emocionam o público em "Velho Chico" - Hora

Versão mobile

Câmera subjetiva27/09/2016 | 09h04Atualizada em 27/09/2016 | 09h07

Cenas de Santo sem Domingos Montagner emocionam o público em "Velho Chico"

Globo exibiu nesta segunda-feira o primeiro capítulo sem a presença do protagonista, morto no último dia 15 no Rio São Francisco 

Cenas de Santo sem Domingos Montagner emocionam o público em "Velho Chico" TV Globo / Reprodução/Reprodução
Atores Gabriel Leone e Camila Pitanga contracenaram com a câmera como se ela fosse o personagem de Montagner Foto: TV Globo / Reprodução / Reprodução

O capítulo da noite de segunda-feira de Velho Chico emocionou atores e público. Pela primeira vez desde a morte de Domingos Montagner, no último dia 15, a Globo exibiu cenas do personagem Santo sem a presença do ator. O recurso encontrado pelos autores Benedito Ruy Barbosa e Bruno Luperi e pelo diretor Luiz Fernando Carvalho foi o de usar câmera subjetiva: com isso, o público passou a ver a cena pela perspectiva do olhar de Santo. Os atores contracenaram com a câmera como se ela fosse o protagonista.

— Essa nova linguagem com uma câmera em seu lugar deixou as cenas com muita luz. São momentos de muita emoção para a equipe toda e as imagens estão ficando com um tom muito bonito. Conseguimos canalizar e encontrar uma maneira de nos despedir de Santo, mesmo que não tenhamos tido a chance de nos despedir do Domingos. Se os atores, os amigos e a equipe não puderam dar um último abraço nele, Bento (Irandhir Santos), Olívia (Giullia Buscacio) e Tereza (Camila Pitanga), por exemplo, vão poder — explicou Luperi ao site GShow.

Leia mais:
Últimas cenas com Domingos Montagner vão ao ar em "Velho Chico"
"Velho Chico": com psicólogos, cenas de Santo sem Domingos Montagner começam a ser gravadas
Domingos Montagner deve receber homenagem em último capítulo de "Velho Chico"

Além da câmera subjetiva, a edição incluiu algumas falas de Santo aproveitados de diálogos antigos gravados por Montagner. Na cena do casamento de Miguel (Gabriel Leone) e Olívia, teve um "eu te amo" para a filha e um "cuide bem da minha filha, rapaz" para o filho. A respiração do personagem também foi utilizada na finalização.

— Foi muito duro e difícil para todos, mas nós nos unimos. As pessoas estão muito próximas umas das outras, prestando solidariedade e força para levar o trabalho adiante com a mesma alegria que Domingos levou. Sentimos muito sua presença e energia. Temos a impressão de que ele faz parte de nós e está presente conosco, queira o destino que para sempre — disse Luperi.

Uma bela homenagem a Domingos.

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros