"Era bem claro que Aquarius deveria ser o filme escolhido, mas desejo toda sorte ao Pequeno Segredo"  - Hora

Versão mobile

Brasil na briga pelo Oscar15/09/2016 | 11h20Atualizada em 15/09/2016 | 11h19

"Era bem claro que Aquarius deveria ser o filme escolhido, mas desejo toda sorte ao Pequeno Segredo" 

Ex-assessor internacional da Ancine, cineasta comenta escolha de filme produzido em SC para a disputa de indicação ao Oscar

"Era bem claro que Aquarius deveria ser o filme escolhido, mas desejo toda sorte ao Pequeno Segredo"  Pequeno Segredo / Divulgação/Divulgação
Foto: Pequeno Segredo / Divulgação / Divulgação
Eduardo Valente
Eduardo Valente

Finalmente, acho que o processo de escolha do filme brasileiro que vai concorrer a uma indicação ao Oscar de Melhor Filme Estrangeiro foi errado do início ao fim, o que não deixava de ser o esperado nas atuais condições. Sim, pra mim era bem claro que Aquarius deveria ser o filme enviado pelo Brasil – e parece até meio bobo elencar motivos. Outras pessoas poderiam inclusive ver isso de forma diferente, e eu acreditaria mesmo na justeza de seus argumentos – desde que fosse em outro processo que não esse.

Coluna de cinema: Mostrar a cultura do país não é prerrogativa para indicação de melhor filme estrangeiro no Oscar
"Está havendo um preconceito com o resultado, um 'não vi, não gostei'", diz o cineasta Bruno Barreto 

Ano passado, aliás, participei dessa comissão, e embora a indicação do Que Horas Ela Volta? parecesse a mais óbvia, houve mais de um membro que defenderam outros filmes, com paixão e com argumentos fortes (ainda que, a meu ver, menos que os que levaram aquele filme a terminar sendo indicado).

Mas, dito tudo isso, desejo toda sorte ao Pequeno Segredo. Certamente, os produtores e realizadores do filme não têm nada a ver com isso tudo que aconteceu. Acompanhei, aliás, a briga deles durante anos pra realizar o filme, no que ajudaram bastante as relações institucionais do Brasil com a Nova Zelândia na área do cinema. 

Viviane Bevilacqua: Heloísa e Kat, uma história de amor perpetuada em livro e filme
Cineastas questionam "Pequeno segredo" como representante brasileiro no Oscar
"Sempre acreditei em Pequeno Segredo para dialogar com o Oscar", conta David Schurmann

Posso dizer, sem medo de errar, que sem eles não teríamos um acordo de coprodução em discussão ativa como está agora. E não vou, mas não vou mesmo, ficar postando crítica negativa do filme feito por um jornal que famosamente incita todo tipo de polêmica preocupado não com o melhor pro cinema brasileiro e sim com "causar". Apostam em nos dividir e lucrar de um jeito ou outro com isso, enquanto nós sempre só perdemos.

E mesmo estando fora de lá, sei e falo sem o menor risco de errar, que contarão com todo o apoio da Ancine nessa campanha, nos mesmos moldes que ela sempre deu pra todo e qualquer filme brasileiro que recebeu essa indicação. 

Há que se prezar pelo republicanismo, mesmo em tempos em que ele parece em desuso. É a nossa diferença, e precisa seguir sendo.

Tem uma experiência para compartilhar? Quer dar sua opinião sobre o assunto do momento? Participe do Vozes!

Leia outros textos do Vozes

 

Siga npdalingua no Twitter

  • npdalingua

    npdalingua

    Na Ponta da LínguaConsidera-mos jus-ta toooda forma de amoooorrrr... ôô! Fernanda Gentil dando um Vráááá na cara da sociedade! Ahazou… https://t.co/ME6Fq4084Khá 20 horas Retweet
  • npdalingua

    npdalingua

    Na Ponta da LínguaQuem é mesmo que tá pra adoção?? E rola uma promoção tipo: adote um e leve os dois? #adote #umcachorro #eumboymagya https://t.co/0jVJGh4s1Jhá 1 diaRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros