Bono e Larry Mullen Jr., do U2, indenizarão empresário em R$ 1,5 milhão em ação movida em SC - Hora

Ops15/12/2016 | 15h01Atualizada em 19/12/2016 | 15h02

Bono e Larry Mullen Jr., do U2, indenizarão empresário em R$ 1,5 milhão em ação movida em SC

Integrantes do grupo irlandês disseram em entrevista que não tinham sido pagos por shows realizados no país em 1998

Bono e Larry Mullen Jr., do U2, indenizarão empresário em R$ 1,5 milhão em ação movida em SC Andrew Cowie/AFP
Integrantes do grupo irlandês disseram em entrevista que não tinham sido pagos por shows realizados no país em 1998 Foto: Andrew Cowie / AFP

O vocalista Bono e o baterista Larry Mullen Jr, integrantes da banda irlandesa U2, terão que pagar R$ 1,5 milhão de indenização por danos morais e materiais ao empresário Franco Cecchini Bruni Neto, promotor de três shows do grupo no Brasil em 1998. Na época, Bruni morava em Balneário Camboriú, onde deu entrada ao processo. A decisão foi tomada em sessão da 4ª Câmara Civil do TJ, em Florianópolis, na manhã desta quinta-feira. 

Em novembro de 2000, os músicos deram uma entrevista ao jornal O Globo e criticaram o trabalho do produtor, dizendo que não tinham recebido parte do cachê combinado pelas apresentações. Bruni comprovou que bancou o valor do contrato, de US$ 8 milhões, de forma antecipada. Dias depois, a banda se retratou e admitiu ter recebido os cachês, mas apontaram inadimplência no recolhimento de direitos autorais através do Ecad. As intimações da Justiça catarinense a Bono e Larry foram feitas dentro de um avião no aeroporto de Guarulhos (SP), em fevereiro de 2006, quando o U2 esteve no Brasil. 

Uma audiência em Balneário Camboriú já havia condenado o baterista Larry Mullen Jr. em 2011 a pagar indenização de R$ 800 mil. Desta vez, o desembargador Joel Figueira promoveu alterações na sentença da comarca da cidade do litoral norte, incluindo o cantor Bono, e manteve a obrigação dos músicos em ressarcir o empresário pelos danos causados a sua imagem. O valor da indenização ficou em R$ 1,5 milhão. Com as  correções, deve atingir cerca de R$ 5 milhões.

Leia mais:

Evanescence confirma três shows no Brasil em abril

Coluna de música: nenhum artista trabalhou mais em 2016 do que Omar Rodríguez-López

Sting anuncia que vem ao Brasil em 2017 para única apresentação



 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros