"A cor do meu filho faz com que as pessoas escondam suas bolsas", diz Taís Araújo - Hora

Versão mobile

Racismo17/11/2017 | 14h19Atualizada em 17/11/2017 | 14h22

"A cor do meu filho faz com que as pessoas escondam suas bolsas", diz Taís Araújo

Palestra da atriz no último TEDxSão  foi divulgada esta semana na internet

"A cor do meu filho faz com que as pessoas escondam suas bolsas", diz Taís Araújo Sergio Zalis/TV Globo
Foto: Sergio Zalis / TV Globo
GaúchaZH
GaúchaZH

No último dia 6, a atriz Taís Araújo participou de uma palestra no evento TEDxSão Paulo e falou sobre problemas sociais tendo como base sua experiência sendo mãe de duas crianças. Nesta semana, o evento, que teve o tema Mulheres que Inspiram, teve parte do seu conteúdo disponibilizado no YouTube. 

Entre suas falas de destaque, Taís se disse aliviada ao saber que seu segundo filho era um homem, por saber que ele estaria livre de passar por situações vivenciadas pelas mulheres. A liberdade do garoto, afirma, seria limitada pela sua raça. 

– Meu filho é um menino negro, e liberdade é um direito que ele não vai poder usufruir se ele andar pelas ruas descalço, sem camisa, sujo, saindo da aula de futebol. Ele corre o risco de ser apontado como um infrator, mesmo com seis anos de idade – disse. 

Taís prosseguiu destacando que os problemas de seu filho se agravariam à medida que fosse crescendo e se tornando um adolescente, sob o risco de ter que lidar com uma "investida violenta da polícia ao ser confundindo com um bandido", sem poder ter a liberdade de ir para a sua escola ou usar seu boné ou capuz. 

– No Brasil, a cor do meu filho é a cor que faz com que as pessoas mudem de calçada, escondam suas bolsas e que blindem seus carros – declarou. 

Confira o vídeo com a palestra de Taís Araújo:


 
Hora de Santa Catarina
Busca