Rodrigo Faraco: lista modesta de dispensas no Figueirense - Figueirense - Esportes - Hora

Versão mobile

Saídas24/11/2016 | 07h53Atualizada em 24/11/2016 | 07h54

Rodrigo Faraco: lista modesta de dispensas no Figueirense

Esperava mais nomes, mas clube está acertando a rescição de outros

Rodrigo Faraco: lista modesta de dispensas no Figueirense Charles Guerra/Agencia RBS
Foto: Charles Guerra / Agencia RBS

Ainda não saiu o pacotão de liberações e dispensas do Figueirense. A lista divulgada ontem por Léo Franco, superintendente de esportes, ainda é modesta. Na verdade, fizeram as primeiras rescisões de quem já estava afastado, casos do atacante Maurides, do meia, que nem jogou, Diego Torres, e do lateral Rodrigo Biro, que estava lá esquecido desde o início do ano.

As novidades, portanto, são apenas quatro: o atacante Rafael Silva, os laterais Pará e Ayrton e o meia Élvis. Mas tem gente grande pra sair e que acabou não sendo anunciada por questões contratuais. O que apurei e divulguei no Debate Diário e nas redes sociais é que Rafael Moura e Dodô não ficam para 2017, assim como o atacante Lins.

O torcedor ainda espera mais, certamente. O que mais faltou a este grupo do Figueirense não foi qualidade, mas respeito e comprometimento. É o risco que se corre com tantos jogadores emprestados e com contrato curto.

Rafael Moura e Marquinhos

Dois jogadores bem representativos do Figueirense divulgaram notas em suas redes sociais, numa espécie de satisfação para o torcedor alvinegro. O primeiro foi Rafael Moura, que pediu desculpas e falou do seu sentimento pelo fracasso no objetivo de deixar o clube na primeira divisão.

Depois veio Marquinhos, com uma nota mais forte, em que diz que não há como pedir desculpas por rebaixamento. Mas o zagueiro, que completou três anos de Figueirense, disse mais. Reclamou do marketing pessoal de alguns, deixando a entender que teve gente que não se esforçou realmente como devia. Ainda acrescentou que a verdade vai aparecer.

Um não falou do outro, mas é impossível não fazer a relação entre um recado e outro.Talvez tenha entendido errado, mas pra mim, Marquinhos deu uma cutucada direta em Rafael Moura. E cá entre nós, pela história que os dois têm no clube, não teria dúvida em ficar ao lado de Marquinhos se isto for realidade. Mas o capitão faria um favor ao torcedor se fosse mais claro na sua mensagem.

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros