Paixão Alvinegra: calculadora na mão e bola no pé - Figueirense - Esportes - Hora

Versão mobile

 

Opinião22/09/2018 | 06h55Atualizada em 22/09/2018 | 06h55

 Paixão Alvinegra: calculadora na mão e bola no pé

Colunista Ivens Abreu opina diariamente sobre os assuntos do Furacão do Estreito

 Paixão Alvinegra: calculadora na mão e bola no pé Marco Favero/Diário Catarinense
Foto: Marco Favero / Diário Catarinense

Sites especializados calculam que para o acesso é preciso conquistar 60 pontos, com 43 garantindo a permanência. O Figueira tem 39 e necessita de 21 para a promoção. Como faltam 10 rodadas, precisamos de sete vitórias. A nossa missão é considerada impossível para muitos, mas para os apaixonados, assim como eu, podemos acreditar em um milagre. Eu não jogo a toalha e vou torcer pelo meu clube, mesmo tendo apenas um fio de esperança para isso.

“Din din din”

Quanto às finanças do clube, tenho a informação que nem tudo está em dia, mas sei que estão sendo feitas viagens em jatinho particular para Sampa em busca dos aportes. Se tiveram êxito ainda não sei. 

Pega a vaga, Alisson!

Montar o time para o próximo compromisso é responsabilidade para o treinador. Só sei dizer que o goleiro Alisson, toda vez que foi chamado, fez bem seu papel. Claro que mudar agora pode dar certo ou não, mas todo goleiro deve estar pronto para quando a oportunidade aparecer. O DM tem uma semana para recuperar Zé Antônio, Jorge Henrique e Betinho.

As divisões do futebol brasileiro

Nosso futebol tem as séries A, B, C e D. Quem tem a competência de estar entre os 20 da elite tem que aproveitar, já que da segunda pra baixo a grana mal dá pro jantar.

Confira a tabela da Série B do Brasileiro
Leia mais notícias sobre o Figueirense
Acompanhe a coluna Paixão Alvinegra na Hora de Santa Catarina
Secador e curioso? Confira também a coluna do vizinho 

 
Hora de Santa Catarina
Busca