Caminho da salvação do JEC passa por triunfo sobre Vila Nova e tropeço do Oeste - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Futebol21/11/2016 | 07h32

Caminho da salvação do JEC passa por triunfo sobre Vila Nova e tropeço do Oeste

Time catarinense chega à última rodada da Série B com chances reais de permanência na Segunda Divisão

Caminho da salvação do JEC passa por triunfo sobre Vila Nova e tropeço do Oeste Maykon Lammerhirt/Agencia RBS
Kadu marcou o primeiro gol tricolor contra o Oeste Foto: Maykon Lammerhirt / Agencia RBS

Os deuses do futebol parecem conspirar a favor do Joinville.  Basta ver os resultados recentes dos times que brigam com o Tricolor para não cair de divisão. A vitória sobre o Oeste na sexta-feira, o principal rival nessa disputa, renovou as esperanças do JEC, que teve outra rodada favorável na luta contra o rebaixamento.

No sábado, o time do técnico Ramon Menezes foi beneficiado pela derrota do Bragantino, que perdeu para o Bahia por 3 a 2 e caiu para a Série C, e pela vitória do Náutico sobre o Tupi por 4 a 1, que manteve a equipe pernambucana viva na briga pelo acesso à elite – na última rodada, o Náutico enfrenta o Oeste.

É claro que além da “forcinha divina” que o Tricolor vem recebendo, ele precisa fazer a sua parte diante do Vila Nova, na Arena, no próximo sábado, com os portões fechados – o clube cumpre punição pela confusão ocorrida na partida contra o Avaí, no dia 23 de setembro, quando torcedores atiraram rojões no gramado – e, pelo menos, somar um ponto.

Se o JEC empatar e o Oeste perder, o time catarinense se garante na Série B por mais um ano – os dois times somariam 38 pontos, mas o Joinville levaria a melhor nos critérios de desempate. Só que o Oeste também pode fazer valer a sua especialidade: a de empatar jogos. Aí, a única chance para continuar na Segundona será vencendo o Vila Nova.

E essa tarefa, aparentemente simples, na prática não é. Isso porque o Vila Nova é simplesmente o segundo melhor visitante do Brasileiro – somou 30 pontos em 18 jogos –, enquanto que o Joinville é o segundo pior mandante – fez 20 pontos em 18 jogos.

– Sabemos da necessidade que temos para o próximo jogo. Estamos felizes, mas desde já é necessário estar concentrado. O grupo se mantém motivado, trabalhando e dá o seu melhor – disse o técnico Ramon Menezes, após o jogo de sexta-feira.

Tudo indica que mais uma vez o JEC terá de derrubar estatísticas e fazer valer a sua tradição. O time já mostrou seu potencial e provou isso diante do Oeste, vencendo e interrompendo uma série de sete empates seguidos do adversário. Mas ninguém vai reclamar se os deuses do futebol continuarem dando aquela “forcinha extra”.

Leia as últimas notícias sobre o Joinville Esporte Clube no AN.com.br

O QUE O JEC PRECISA
— Empatar com o Vila Nova – se o Oeste perder para o Náutico.
— Vencer o Vila Nova – se o Oeste empatar com o Náutico.
— Derrota para o Vila Nova, rebaixa o time para a Série C.

Sites divergem sobre chances de rebaixamento
— Três sites de prognósticos divergem sobre as chances de rebaixamento de Joinville e de Oeste para a Série C. O Infobola, por exemplo, é o que aponta um maior equilíbrio na disputa – 54% de chances de queda para o JEC e 46% para o Oeste. No do Chance de Gol, o Oeste é o que tem maior probabilidade de queda (57,3%), diferentemente da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que aponta 62,2% de chances de descenso para o Tricolor.

OS PROGNÓSTICOS DE QUEDA
UFMG

Oeste — 37,8%
Joinville — 62,2%

Infobola
Oeste — 46%
Joinville — 54%

Chance de Gol
Oeste — 57,3%
Joinville — 42,7%

A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Futebol 18/11/2016 | 21h20

JEC vence o Oeste e se mantém vivo na luta contra o rebaixamento na Série B

Com gols de Kadu e Erick Luis, o Joinville bateu o adversário por 2 a 0 fora de casa

Futebol 18/11/2016 | 08h04

JEC faz o jogo do ano contra o Oeste nesta sexta-feira, em Barueri

Tricolor precisa vencer confronto desta noite para continuar com chances de permanecer na Segunda divisão

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros