Em Chapecó, torcedor do Atlético Nacional homenageia as vítimas - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

#ForçaChape30/11/2016 | 19h17Atualizada em 01/12/2016 | 09h54

Em Chapecó, torcedor do Atlético Nacional homenageia as vítimas

Já que não pôde acompanhar o primeiro jogo da final em seu país, Daniel Ogeda, membro da torcida organizada, demonstra solidariedade no Brasil

Em Chapecó, torcedor do Atlético Nacional homenageia as vítimas Nelson Almeida/AFP
Jovem colombiano deve permanecer em Chapecó até a chegada dos corpos das vítimas da tragédia Foto: Nelson Almeida / AFP

Membro da torcida organizada do Atlético Nacional, o colombiano Daniel Ogeda está em Chapecó para homenagear as vítimas do acidente aéreo que tirou 71 vidas e impediu a Chapecoense de disputar a final da Copa Sul-Americana. O jovem é aficionado do clube que seria o último rival do Verdão no campeonato. 

Durante a tarde desta quarta-feira, na Arena Condá, ele parecia feliz em concretizar o ato de solidariedade: 

— Vim acompanhar a dor e o luto de nossos irmãos chapecoenses. Eu ia à final, mas, se não há final, venho aqui acompanhá-los. Vamos participar da missa aqui — conta. 

Ogeda, que deve permanecer em Chapecó pelo menos até a chegada dos corpos e o velório coletivo, refere-se à celebração ecumênica que tem início às 20h (horário de Brasília), no estádio da Chapecoense. O time catarinense também convida moradores e torcedores a participar da homenagem, que está marcada para o mesmo horário em que seria a partida na Colômbia, vestindo-se de branco, levando flores e velas. 

Leia também:
O perfil das vítimas e sobreviventes do acidente da Chapecoense
Solidariedade: as 15 homenagens à Chapecoense que comoveram o mundo
Chapecó prepara velório coletivo de vítimas de acidente aéreo
Porta-voz da LaMia admite que aeronave trabalhava no limite de sua capacidade de combustível

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros