Rodrigo Faraco: balanço da temporada no futebol de Santa Catarina - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Análise29/11/2016 | 11h29Atualizada em 29/11/2016 | 11h29

Rodrigo Faraco: balanço da temporada no futebol de Santa Catarina

Avaí e Chapecoense fizeram um ano de bom a espetacular

Rodrigo Faraco: balanço da temporada no futebol de Santa Catarina Charles Guerra/Agencia RBS
Foto: Charles Guerra / Agencia RBS

Individualmente, o ano foi bom para o Avaí e está espetacular para a Chapecoense. Na avaliação geral, o futebol catarinense perdeu espaço, ao perder um representante dentro do cenário maior do futebol brasileiro, que são os 40 times entre séries A e B. O Joinville caiu pra C, então agora são quatro equipes. Nada que não seja reversível rapidamente, mas para um Estado que teve quatro times na Série A em 2015, é realmente uma perda.

A representatividade na elite se mantém, na medida em que um caiu e outro subiu na troca entre Figueirense e Avaí. Mas indiscutivelmente o ano é da Chapecoense. Campeã Catarinense, a Chape foi muito bem no Brasileirão, ficando na elite com sobras e até lutando por Libertadores. A conquista extraordinária de chegar à finalíssima da Copa Sul-Americana foi o ponto alto. Santa Catarina segue incomodando e cutucando os grandes, mas, pra não perder mais espaço, precisa analisar muito bem o que ocorreu nesta temporada.

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros