Torcedores do Atlético Nacional começam a chegar ao estádio para homenagear a Chapecoense  - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Cerimônia30/11/2016 | 20h21Atualizada em 30/11/2016 | 21h22

Torcedores do Atlético Nacional começam a chegar ao estádio para homenagear a Chapecoense 

Tragédia marcou o nascimento de uma família formada pelos dois times

Torcedores do Atlético Nacional começam a chegar ao estádio para homenagear a Chapecoense  Diorgenes Pandini/Agencia RBS
Foto: Diorgenes Pandini / Agencia RBS
Marcos Castiel e enviado especial à Colômbia
Marcos Castiel e enviado especial à Colômbia

marcos.castiel@diariocatarinense.com.br

Às 16h45min na Colômbia (19h45min de Brasília) foram abertos os portões do estádio Atanásio Girardot para o público. Neste momento, a multidão de crianças, jovens, famílias e torcedores que começaram a entrar e visualizaram faixas com os dizeres: "Nasce uma nova família, Atlético + Chapecoense".

Todos de branco, muitos com velas, outros com flores, muitos com camisas alusivas à Chapecoense. Nos dizeres: "Vieram por um sonho, voltaram como lendas".

A emoção, presente em todos. A reportagem do DC falou com Nicole Mariana, 15 anos, que carregava rosas vermelhas:

— Sinto um vazio, algo que nunca pensei ver no nosso estádio de alegria — disse, antes de começar a chorar.

O cerimonial é todo montado com pompas de Estado. A Guarda Nacional e sua banda serão responsáveis pelo toque fúnebre. 

Ao longo da noite do Brasil, a reportagem do DC vai atualizando todos os momentos desta emocionante homenagem.

Leia também:
O perfil das vítimas e sobreviventes do acidente da Chapecoense
Solidariedade: as 15 homenagens à Chapecoense que comoveram o mundo
Chapecó prepara velório coletivo de vítimas de acidente aéreo
Porta-voz da LaMia admite que aeronave trabalhava no limite de sua capacidade de combustível

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros