Barbeiro de São José faz a cabeça de boleiros de férias na Ilha - Esportes - Hora de Santa Catarina

"Dá um talento"30/12/2016 | 17h16Atualizada em 30/12/2016 | 17h17

Barbeiro de São José faz a cabeça de boleiros de férias na Ilha

Craques que estão passando as festas em Floripa têm contato com os serviços de Marlon Fraga

Barbeiro de São José faz a cabeça de boleiros de férias na Ilha Arquivo Pessoal/Divulgação
Marlon e Dentinho Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

O visual é parecido, mas a habilidade com a tesoura e com a máquina difere  Marlon Fraga, 32 anos, dos boleiros que estão passando as festas de final de ano em Florianópolis. Dono de uma barbearia no Jardim Zanelatto, em São José, ele tem sido chamada para fazer "um extra" principalmente Jurerê Internacional, local preferido pelos atletas em férias.

Nesta última semana do ano, por exemplo, ele cortou o cabelo do atacante Dentinho, criado no Corinthians e que está no Shakthar Donetsk, da Ucrânia, do zagueiro Felipe Santana, ex-Figueirense e que vai jogar no Atlético-MG, e de Júnior Urso, também do Galo, que foi vendido para o futebol chinês.

— Pra mim é sempre uma honra e uma satisfação ser lembrado por alguns jogadores que estão atuando no Brasil e na Europa. Isso cada dia me dá mais vontade e motivação para crescer mais e mais — contou Marlon, que estava saindo da casa de Dentinho, em Jurerê.

Júnior Urso foi o primeiro jogador que confiou o cabelo a Marlon, o segundo foi Clayton, na época no Figueirense e que hoje está no Atlético-MG. E depois da indicação de Claytinho a barbearia decolou e a boleirada passou a procurar Marlon para "dar um talento", como eles dizem.

Se o corte agrada, a "resenha" também ajuda. O sonho de ser jogador ficou pelo caminho, mas ter o contato com eles ameniza qualquer tipo de frustração a Marlon, que ainda espera fazer a cabeça de muito jogador nesse verão — ganhando o seu por isso, é claro.

E com Clayton Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação


 
 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCMais de 3 mil animais silvestres foram tratados no Parque do Rio Vermelho em 2016 https://t.co/RDOEKULR9Shá 15 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCMesmo após incêndio em seu restaurante, no sul da Ilha, dona Zenaide não se abala https://t.co/Y7Po7NAdtQhá 1 horaRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros