Para oferecer ajuda, sheik do Catar deve fazer visita à Chapecoense - Esportes - Hora de Santa Catarina

Após tragédia15/12/2016 | 13h39Atualizada em 16/12/2016 | 15h24

Para oferecer ajuda, sheik do Catar deve fazer visita à Chapecoense

Dirigente do Verdão e CBF confirmaram a visita da autoridade, que estaria disposta a contribuir para reerguer o clube

Para oferecer ajuda, sheik do Catar deve fazer visita à Chapecoense Marco Favero/Agência RBS
Foto: Marco Favero / Agência RBS

Logo após a tragédia envolvendo o avião que transportava a delegação da Chapecoense e jornalistas à Colômbia, para a disputa da final da Copa Sul-Americana, o clube de Chapecó recebeu diversas ofertas de ajuda para reconstruir o clube, que perdeu praticamente todos os atletas no acidente que deixou 71 mortos. Times de futebol prometeram emprestar jogadores bancando parte ou totalmente o salário e atletas se ofereceram para atuar de graça.

Mas, uma oferta de ajuda de um sheik, do Catar, chamou a atenção e, no início, foi tratada até como "pegadinha". A informação foi levantada pela blogueira do ESPN.com.br, Gabriela Moreira, nesta quinta-feira. Em seu blog, ela postou que no dia seguinte a tragédia, uma pessoa se dizendo representante de um sheik árabe ligou para o clube se dispondo a ajudar. Um novo contato foi feito dias depois, dizendo que o sheik visitaria o clube nos próximos dias. A visitação nunca aconteceu e o assunto passou a ser lembrado em momentos de rara descontração nos bastidores do clube.

Mas, o que chegou a ser tratado como brincadeira, agora está perto de acontecer. A visita do sheik é esperada para os próximos dias. Um dirigente da Chapecoense confirmou ao colunista do Diário Catarinense, Roberto Alves, a vinda do sheik, mas não soube dar detalhes de como será o encontro e nem de que forma ela irá ajudar o clube.

A reportagem do DC entrou em contato com o secretário-geral da CBF, Walter Feldman, que confirmou a viagem do Sheik a Chapecó, mas, como estava em viagem na Europa, não soube precisar os detalhes da visita. A CBF estaria organizando a chegada da autoridade árabe ao Brasil.

De acordo com informações apuradas pelo DC, o sheik seria o presidente da Federação de Futebol do Catar

Leia mais notícias sobre a Chapecoense
LaMia anuncia pagamento de indenizações para vítimas de tragédia
Zagueiro Douglas Grolli é o primeiro reforço da Chapecoense
Rafael Henzel e Alan Ruschel desembarcam em Chapecó

 
 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCEm que escola ponho meu filho? https://t.co/9EQaLJCdfZ https://t.co/cupkyh6SgKhá 9 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCRolê com Edsoul: Mussoumano lança vídeo com parcerias especiais https://t.co/KTyWcH7aq7 https://t.co/n1qWITSLlKhá 10 horas Retweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros