Figueirense quer manter embalo contra o Brusque na largada do returno do Catarinense - Esportes - Hora de Santa Catarina

Começar forte12/03/2017 | 07h00Atualizada em 12/03/2017 | 07h00

Figueirense quer manter embalo contra o Brusque na largada do returno do Catarinense

Times duelam às 16h deste domingo, no Estádio Augusto Bauer

Figueirense quer manter embalo contra o Brusque na largada do returno do Catarinense Arte DC/HSC/Agência RBS
Foto: Arte DC/HSC / Agência RBS

O quinto lugar no primeiro turno do Campeonato Catarinense não deixa ver, mas a fase do Figueirense não é das piores. No Estadual, o time saiu de campo sem ser derrotado nas últimas cinco partidas. Foram duas vitórias e três empates, o que deixa a equipe comandada por Márcio Goiano confiante para o returno.

A grande arma do time para o jogo contra o Brusque, às 16h deste domingo, é o tempo. Isso porque o técnico teve uma semana inteira para trabalhar a equipe sem interferências. Se no último jogo – vitória por 3 a 2 sobre o Metropolitano em Blumenau – o time já deixou uma boa impressão, a expectativa é ainda maior para o confronto de agora.

A principal dúvida do treinador para a estreia no returno está no meio de campo, com Yago podendo dar lugar a Patrick.

- O Patrick, estou observando, nos treinos pré-jogo, sempre observando os garotos. Ele me chamou a atenção pela força e volúpia de jogo. Resolvi dar uma segurada, tivemos essa semana de treinamento e eu coloquei ele para trabalhar, pois eu pude ver como ele se comporta com os companheiros. Ele pode dar uma resposta positiva para nós e vamos aguardar até o momento antes do jogo para saber se ele começa o jogo ou não - disse o técnico Márcio Goiano.

Marreco sem medo dos grandões

O Avaí pode ter sido o campeão do primeiro turno, mas certamente não surpreendeu mais do que o Brusque. O time do Vale do Itajaí fez uma campanha ousada, terminando na terceira colocação – à frente de clubes maiores, como o Criciúma, o Figueirense e o Joinville.

De aposta o clube quer se transformar em realidade. Por isso, uma vitória no Augusto Bauer diante do Figueirense, neste domingo, pode ser o pontapé inicial para uma façanha histórica. Afinal de contas, foi em 1992 que o Brusque se tornou o último clube entre os menores a faturar o título.

Para o jogo contra o Alvinegro, o técnico Pingo poderá contar com o retorno do zagueiro Neguette, que cumpriu suspensão na última rodada. O time não contará com o lateral Willian, que foi para o Mogi Mirim-SP.

FICHA TÉCNICA

BRUSQUE
Rodolpho; João Carlos, Cleyton, Neguete e Carlos Alberto; Mineiro, Boquita, Leílson e Eliomar; Ricardo Lobo e Jonatas Belusso. 

Técnico: Pingo.

FIGUEIRENSE
Thiago Rodrigues; Dudu, Dirceu, Bruno Alves e Morassi; Josa, Helder, Patrick e João Pedro; Elias e Bill. 

Técnico: Márcio Goiano

Arbitragem: Ramon Abel, auxiliado por Nadine Cama Bastos e Evandro Rodrigo Weber
Local: Estádio Augusto Bauer, em Brusque

Saiba mais:
"Nove decisões", projeta lateral do Figueirense sobre returno do Catarinense
Divulgada a seleção do turno do Campeonato Catarinense

Acesse a tabela do Catarinense

 
 
 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCProjeto da UFSC promove encontros gratuitos de canto pré-natal para gestantes. https://t.co/olQyR79RlX https://t.co/JdopfOzm61há 5 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCNão haverá greve no transporte público da Grande Florianópolis nesta segunda-feira. https://t.co/rMqRsaTzQb https://t.co/AKI2IDBt0jhá 6 horas Retweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros