Volta à Ilha tem estimativa de reunir 4 mil corredores, em abril - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

 

Corrida11/03/2018 | 15h02Atualizada em 11/03/2018 | 15h02

Volta à Ilha tem estimativa de reunir 4 mil corredores, em abril

Prova de revezamento tem 140km divididos em 18 trechos

Volta à Ilha tem estimativa de reunir 4 mil corredores, em abril Gabriel Heusi/Heusi Action
Foto: Gabriel Heusi / Heusi Action
DC Esportes
DC Esportes

Para esse ano, o Revezamento Volta à Ilha tem algumas novidades. A distância continua a mesma, mas em vez de dezessete trechos serão dezoito. Outra novidade está na opção de largadas em pontos diferentes para as equipes mais lentas, com largadas simultâneas de diferentes pontos.

— Nossa ideia é possibilitar com que as equipes de pace (ritmo) mais lento consigam finalizar a prova com mais tranquilidade e poder desfrutar do evento sem estresse. Os primeiros corredores fazem os percursos 1, 2, 3, 4 e 5, enquanto outro grupo larga do seis em diante. Após a conclusão das cinco primeiras etapas os atletas se encontram com os demais para o prosseguimento do trabalho em equipe — explica Carlos Duarte, organizador do evento.

Com 140km, a prova é dividida em 18 trechos com diferentes níveis, tipos de solo e altimetria, passando por praias, trilhas, asfalto, morros e dunas. A divisão das equipes de acordo com as aptidões de cada atleta é fundamental para o sucesso na competição.

É o que espera comprovar a médica Caroline Gali Moreira, 33 anos, que participa pela primeira vez. Quando começou a treinar corrida, a prova estava entre os objetivos. Ela deve pegar trechos de areia, até porque correu provas de praia no começo do ano.

—Ficava imaginando como aquelas equipes conseguiam completar toda a distância. Parecia algo longe de mim e agora sento que estou atingindo um objetivo. Saber que vou poder dividir momentos com amigos é muito legal. Será um dia bem divertido. A expectativa maior é em poder estar com a minha equipe nesse novo desafio – conta a estreante

A Volta à Ilha foi idealizada em 1996 e se caracteriza por ser uma prova de revezamento que desafia as equipes a dar uma volta completa em Florianópolis. Há trechos de praias, asfalto, dunas e trilhas. As equipes são formadas por dois, oito ou até doze atletas e competem em nove categorias: duplas, aberta, aberta mista, feminina, veteranas 40, 50, 60 anos, veterana mista e participação.

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCEvento debate descriminalização do aborto na Univali em São José https://t.co/EgOjaEwnu9há 1 horaRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCOs roubos violentos em plena queda da criminalidade em Santa Catarina https://t.co/gfaXPkrc6Yhá 2 horas Retweet
Hora de Santa Catarina
Busca