Pausa na medicina para lutar: Thiago Tavares estreia nesta quinta-feira no PFL MMA - Esportes - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

 

Na Guarda20/06/2018 | 18h25Atualizada em 20/06/2018 | 18h39

Pausa na medicina para lutar: Thiago Tavares estreia nesta quinta-feira no PFL MMA

Catarinense, que está morando em Buenos Aires, encara Robert Watley

Pausa na medicina para lutar: Thiago Tavares estreia nesta quinta-feira no PFL MMA Arquivo Pessoal/Divulgação
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

A carreira do lutador Thiago Tavares, 33 anos, está em fase de transformação. Sem ficar frente a frente a um rival desde fevereiro de 2017, o manezinho mudou-se para Buenos Aires, na Argentina, e agora estuda medicina na Fundación Héctor A. Barcelo. Porém, nesta quinta-feira, dia 21 de junho, em Chicago (EUA), ele dá uma pausa nos livros e volta aos cages para estrear na Professional Fighters League (PFL), evento de MMA norte-americano, no Grand Prix que vale 1 milhão de dólares ao vencedor.

O adversário de Tavares é o norte-americano Robert Watley, pela categoria peso-leve (70kg). Por telefone, o manezinho comentou sobre a mudança na vida, inclusive de país, e como chega para estrear no PFL.

— Chego entusiasmado, feliz e com muita superação. Pois além de me dedicar nos estudos, que ocupam sete a oito 8 horas no meu dia, tenho que fazer meus treinos em alto rendimento para uma luta profissional. Confesso que há dias que me pergunto se vou conseguir. 

Após 11 anos lutando no UFC, a oportunidade do PFL é de faturar uma boa grana se vencer os combates, algo que com certeza o incentiva. Porém, a forma como o evento é organizado também fez a diferença na hora de aceitar o desafio.

— Na verdade foi uma soma de fatores. O valor que me ofereceram por luta, junto com os valores do GP, sem dúvidas, foram muito agradáveis. Porém, o modelo que esse evento opera é baseado na meritocracia, você ganha ou você progride no ranking de acordo com sua qualidade como lutador, e não por marketing pessoal ou besteiras que falas na internet dos seus adversários — explicou.

Regras do PFL

As lutam têm a duração de três rounds de 5 minutos e as cotoveladas são proibidas. No Grand Prix, cada lutador faz duas lutas na primeira etapa, e chega às quartas de final aquele que somar mais pontos.

Cada vitória vale três pontos, com bônus se acabar em nocaute ou finalização. Findando no primeiro round, acrescenta três pontos. No segundo, dois pontos, e um ponto no terceiro. Assim, cada lutador pode somar seis pontos em um único combate.

Quem chega às quartas de final embolsa 50 mil dólares, na semifinal 100 mil dólares e os finalistas recebem 200 mil dólares, com o grande campeão levando 1 milhão de dólares.

O PFL MMA é transmitido pelo Facebook e inicia às 19h desta quinta-feira. Clique aqui para assistir.

Card do PFL 2 - Chicago, EUA

Peso leve: Luiz Buscapé x Will Brooks
Peso leve: Jason High x Efrain Escudero
Peso meio-pesado: Ronny Markes x Sean O’Connell
Peso-pena feminino: Kayla Harrison x Britney Elkin
Peso leve: Brian Foster x Ramsey Nijem
Peso meio-pesado: Dan Spohn x Bozigit Ataev
Peso leve: Chris Wade x Natan Schulte
Peso leve: Thiago Tavares x Robert Watley
Peso meio-pesado: Maxim Grishin x Jason Butcher
Peso meio-pesado: Rashid Yusupov x Rakim Cleveland
Peso meio-pesado: Vinny Magalhães x Jamie Abdallah
Peso leve: Islam Mamedov x Yuki Kawana
Peso meio-pesado: Smealinho Rama x Brandon Halsey

Leia também
Rafael Morcego conquista o cinturão do Pancrase e realiza um sonho
Maurício Bad Boy é finalizado por Hacran Dias no Shooto Brasil 84
Morre o lutador de MMA Alan dos Santos, em Balneário Camboriú
Junior Cigano irá encarar Blagoy Ivanov no UFC em julho

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCSecretários de Justiça do país se reúnem em Florianópolis. https://t.co/td6qr9QUZQhá 36 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCTRE mantém condenação de ex-vereador por compra de votos nas eleições 2016 https://t.co/Y9aEBSpymXhá 1 horaRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca