Espaço do Trabalhador: Oportunidade para os taxistas cuidarem da saúde - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Serviço20/09/2016 | 08h30Atualizada em 20/09/2016 | 08h30

Espaço do Trabalhador: Oportunidade para os taxistas cuidarem da saúde

Atendimentos serão oferecidos no Terminal Rita Maria aos profissionais de Florianópolis

Espaço do Trabalhador: Oportunidade para os taxistas cuidarem da saúde Guto Kuerten/Agencia RBS
Foto: Guto Kuerten / Agencia RBS
Hora de Santa Catarina
Hora de Santa Catarina

redacao@horasc.com.br

Taxistas de dez cidades brasileiras, entre elas Florianópolis, terão novamente acesso durante os próximos dias a atendimentos gratuitos de saúde. O projeto Transportando Saúde nas Cidades, desenvolvido pelo SEST/Senat, tem como objetivo oferecer bem-estar e melhores condições de saúde aos trabalhadores do transporte contribuindo para um trânsito mais seguro.

Leia mais notícias do Espaço do Trabalhador

Os taxistas poderão participar dos serviços de saúde que serão disponibilizados no dia 29 de setembro, no Terminal Rita Maria. Durante a ação, eles receberão dicas nutricionais e orientações sobre os riscos do uso de álcool e drogas. Também serão realizados atendimentos de saúde bucal, aferição de pressão arterial e aulas de ginástica laboral, com foco na prevenção de doenças da coluna.

Levantamento realizado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) sobre o perfil dos taxistas mostra que, devido à rotina de trabalho, esses profissionais não têm muito tempo para cuidar da saúde. Apenas 46,2% deles procuram atendimentos de forma preventiva; 73,6% estão acima do peso; 16,7% já tiveram ou trataram problemas de pressão alta e 14,7%, problemas de coluna. Em relação à alimentação, 45,9% não têm local certo para realizar as refeições, e apenas 28,1% se alimentam em casa.

Os taxistas também serão orientados quanto às ações de enfrentamento à exploração sexual de crianças e adolescentes desenvolvidas dentro do projeto Proteger, do SEST/Senat. O objetivo é despertar nesses profissionais um olhar crítico sobre a temática e incentivá-los a se tornarem agentes de proteção social na redução desse tipo de crime.

Lançado em maio deste ano, o projeto já atendeu aproximadamente 4.200 taxistas no país. Até o fim do ano, deve passar por 42 cidades oferecendo serviços de saúde também aos motoristas de caminhão. A expectativa é atender 15 mil profissionais em todo o país.

SERVIÇO

Florianópolis

29/09, das 15h às 20h

Terminal Rodoviário Rita Maria

 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros