Conheça o aplicativo criado em Florianópolis que ajuda a encontrar locais pet friendly - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Para celulares18/10/2016 | 17h09Atualizada em 19/10/2016 | 16h17

Conheça o aplicativo criado em Florianópolis que ajuda a encontrar locais pet friendly

Lançamento global do Petinerary ocorreu na segunda semana de outubro 

Conheça o aplicativo criado em Florianópolis que ajuda a encontrar locais pet friendly /
Lançamento global do Petinerary ocorreu na segunda semana de outubro . Foto: Divulgação
leonardo gorges

Sempre que viajavam na companhia de seus cachorros, os empresários de Florianópolis Fernando D'Aquino e Bruno Bittencourt se deparavam com o mesmo problema: como encontrar locais que aceitam a entrada dos animais de estimação? A partir dessa dificuldade, a dupla teve a ideia de lançar um aplicativo de celular para ajudar os donos a encontrarem locais pet friendly. Foi assim que nasceu o Petinerary, lançado no começo do mês.

— Nós sempre tivemos cachorro e viajamos bastante. A ideia de criar o aplicativo veio depois de uma viagem a Curitiba, onde não encontramos nenhum lugar para levá-los. Veio da nossa própria necessidade — conta Fernando, casado com Bruno há 10 anos. 

O lançamento global do aplicativo ocorreu na segunda semana de outubro, porém ele estava restrito aos usuários de Android. Desde a segunda-feira, também está acessível para quem tem o sistema operacional iOS, usados nos iPhones. Até o momento, o aplicativo — que é gratuito — está disponível apenas em inglês, no entanto a ideia é lançar até o fim do ano uma versão em português.

Como usar

Após baixar o aplicativo, o usuário tem duas opções: entrar diretamente ou criar uma conta para cadastrar o seu animal de estimação. A partir daí, você pode escolher o tipo de estabelecimento que procura, desde hotéis até restaurantes, passando por lojas e serviços especializados. 

O app usa a localização do usuário para rastrear os locais pet friendly mais próximos, que estão divididos em seis categorias. No momento em que a reportagem do Diário Catarinense utilizou o aplicativo, o sistema de busca não estava funcionando, porém ao entrar nas categorias havia uma lista de locais próximos. 

Até o momento, são cerca de 50 locais cadastrados na Grande Florianópolis e 3 mil ao redor do mundo. São 500 embaixadores globais, que fazem a checagem dos dados e podem incluir novos locais, que são sugeridos pelos próprios usuários. 

Antes de ser lançado para iOS, a média diária de downloads estava em 200, porém a meta é que esse número chegue a 500 com o acesso também para iPhones. 

Perfil dos criadores

Nascidos em Florianópolis, os empresários Fernando D'Aquino e Bruno Bittencourt são casados há 10 anos. Eles são donos de dois negócios gastronômicos no bairro Santo Antônio de Lisboa: o restaurante tailandês May e a loja de cupcakes FairyLand.

A ideia de criar o Petinerary veio ainda em 2014, porém o aplicativo começou a ser desenvolvido de fato em 2016, quando dois programadores seniores foram contratados. Apesar do investimento inicial, eles garantem que o aplicativo continuará gratuito para o usuário final, e que pensarão em formas de monetizar o negócio caso o aplicativo alcance um grande número de usuário.

— A primeira função é social — garante Fernando. 

Leia também:
Dupla de Floripa lança aplicativo Petinerary

MEC prorroga até domingo prazo para o último simulado do Enem

Fadiga de usuários do Facebook leva à desativação e à exclusão de perfis





 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros