Falando de Sexo: falta de desejo é doença? - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Sem vontade25/11/2016 | 15h00Atualizada em 25/11/2016 | 15h00

Falando de Sexo: falta de desejo é doença?

Colunistas Lúcia Pesca e Andréa Alves respondem dúvida de leitora

Hora de Santa Catarina
Hora de Santa Catarina

redacao@horasc.com.br

*Lúcia e Andréa, vocês são tudo de bom! Eu preciso muito que me ajudem.Estou com 40 anos e não sinto a menor vontade de transar, não tenho desejo sexual. Fico pensando se é normal uma mulher com a minha idade estar assim, sem tesão algum.Posso ter uma doença? Já tive vontade, não era assim, sem desejo. Mas, de um tempo pra cá, não sinto vontade nem de começar uma transa.

Pois é, amiga, existem diversos fatores que podem estar influenciando esta sua ¿falta de apetite¿ sexual. Quando falamos em desejo, estamos nos referindo, na verdade, a uma atitude psíquica formada por três fatores.São eles: biológico, psicológico e social. É bom lembrarmos que o organismo feminino sofre uma intensa influência hormonal.

 Estas substâncias oscilam muito, e essas alterações podem interferir nas suas emoções, inclusive no desejo. Por isso, é importante verificar se existe algum desequilíbrio hormonal. O aumento de prolactina, assim como a diminuição de testosterona ou de estrogênio podem causar uma baixa da motivação sexual. Nestes casos, várias medicações já estão disponíveis como os hormônios de reposição ou as drogas que restituem seu equilíbrio hormonal. 

Investigue tudo

Ao mesmo tempo, deve-se avaliar se há infecções na vagina ou nódulos, para fazer o tratamento apropriado. Outro fator que pode diminuir o tesão é a depressão, uma vez que a tristeza intensa acaba com o apetite sexual.O melhor é consultar o seu ginecologista para fazer a devida avaliação. Não se acomode!

Leia mais na coluna Falando de Sexo

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros