Viver SC: Confira o caderno especial sobre o Vale do Itajaí - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Riqueza cultural22/11/2016 | 15h32Atualizada em 22/11/2016 | 17h45

Viver SC: Confira o caderno especial sobre o Vale do Itajaí

A fotógrafa catarinense Betina Humeres conhecia a região do Vale do Itajaí superficialmente até a produção do segundo caderno Viver SC. Ao lado da motorista Ana Paula dos Santos, ela percorreu 1,2 mil quilômetros na região para descobrir os contrastes, belezas naturais e arquitetônicas, cantinhos e histórias interessantes para compor esta produção. 

O resultado dessa imersão pelo Vale, você confere no caderno disponível abaixo para você folhear (conteúdo exclusivo para assinantes), basta clicar na imagem ou aqui. A seguir, veja o relato de Betina sobre essa experiência:

Vale Encantador

Mesmo dentro de um consagrado circuito turístico, o Vale do Itajaí ainda era a região do Estado mais desconhecida desta fotógrafa catarinense. Agora, posso concordar convicta: o lugar é encantador. Você vai de um dos litorais mais incríveis às aventuras pelas matas do interior. Fiz trilha, caminhada, vi praia, rio, cachoeira, visitei fábricas de cervejas, assisti à manobra de um navio de 300 metros, visitei caverna, comi (muito) bem e (o melhor) conversei com muita gente interessante. 

Betina Humeres ficou encantada com o que descobriu na região Foto: autorretrato,viver sc,betina humeres,vale do itajai / Agencia RBS

A ideia era abraçar um pouco de cada canto, registrar os contrastes, mostrar as variações da paisagem. Eu e a motorista Ana Paula dos Santos, companheira valente, passamos uma semana na estrada em outubro, com pautas, várias coisas programadas, mesmo com o tempo instável da primavera. Percorremos pelo menos 1,2 mil quilômetros.

A matéria que estampa a capa deste caderno surgiu de uma curiosidade por esse universo portuário, tão distante pra mim. E se tornou ainda mais intrigante quando soube que a presença de mulheres em determinadas atividades era coisa muito recente, menos de 10 anos. Encontrei a Kelly, que é uma das duas mulheres que trabalham com a praticagem de navios no Complexo Portuário de Itajaí-Navegantes e uma das primeiras a atuar nesta profissão no Brasil. 

Propus a ela acompanhar o seu dia de trabalho. Mesmo com o vento forte e o mar agitado dos dias fortes de ressaca, conseguimos pegar uma carona na lancha que a conduz até o navio em alto mar e registrar o que seria a última manobra daquele dia.

O mais legal de estar na estrada é sentar pra conversar com as pessoas, entender como se vive naquele lugar, como elas se veem e o que valorizam na sua cidade e região. Muitas coisas registradas nesta edição do Viver SC surgiram dessas conversas. O resultado você confere nas páginas a seguir.

Leia também em Viver SC:
Conheça o trabalho de Kelly Greicy, prática de Itajaí responsável por manobrar navios de mais de 80 mil toneladas

Projeto conta história de Lages por meio de detalhes arquitetônicos 

Um castelo, inscrições milenares e uma pedra desafiadora estão entre as 12 curiosidades encontradas na Serra de SC

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros