Novo rei da Tailândia será proclamado nesta quinta-feira - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Sucessão01/12/2016 | 07h57

Novo rei da Tailândia será proclamado nesta quinta-feira

Príncipe Maja Vajiralongkorn sucede o pai e receberá o chefe da junta que governa o país e os presidentes da Corte Suprema e da Assembleia

Novo rei da Tailândia será proclamado nesta quinta-feira TANG CHHIN SOTHY/AFP
Tailandeses acendem velas durante uma vigília em honra do falecido rei Bhumibol Adulyadej, em Bangkok Foto: TANG CHHIN SOTHY / AFP
AFP
AFP

O príncipe Maja Vajiralongkorn será proclamado rei da Tailândia, nesta quinta-feira, abrindo uma nova era em um país em que a realeza está onipresente. A sucessão ocorre um mês e meio após a morte do venerado Bhumibol Adulyadej, que tinha 88 anos — pai do príncipe.

O Parlamento convidou, na terça-feira, a alteza para converter-se em rei, encerrando várias semanas de incerteza. De fato, Vajiralongkorn, 64 anos, provocou surpresa poucas horas depois da morte de seu pai, ao solicitar um "prazo" antes de subir ao trono.

Leia mais
Sete pessoas morrem em incêndio no parque florestal dos Estados Unidos
Japão sacrifica mais 230 mil animais por gripe aviária
Partido da presidente sul-coreana pede que ela abandone o poder

Segundo o protocolo real, o príncipe receberá, nesta quinta-feira, o chefe da junta que governa o país, Prayut Chan-o-Cha, e os presidentes da Corte Suprema e da Assembleia. Este último o convidará oficialmente para ser o novo rei.

"O príncipe fará um discurso para explicar que aceita (o cargo) antes de inclinar-se diante do retrato do pai", afirma o serviço real em um comunicado.

O novo rei não será, no entanto, coroado de maneira imediata. A cerimônia só pode acontecer após a cremação de Bhumibol, o que não deve acontecer antes de um ano.

O príncipe vinha passando a maior parte do tempo na Alemanha. Sua personalidade, ao que parece imprevisível, é objeto de debate inclusive entre os conselheiros do palácio e generais à frente do governo, de acordo com analistas.

A imagem do príncipe contrasta com a de seu pai. O falecido monarca, que reinou durante 70 anos, era considerado o "pai da nação" e venerado pelos tailandeses. Sua figura foi forjada durante décadas de propaganda, apoiada por uma lei muito rígida contra os delitos de lesa-majestade.


 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros