Documentário sobre terra indígena alagada no Alto Vale do Itajaí terá pré-lançamento nesta quinta-feira - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Denúncia09/03/2017 | 08h02Atualizada em 09/03/2017 | 08h02

Documentário sobre terra indígena alagada no Alto Vale do Itajaí terá pré-lançamento nesta quinta-feira

Lideranças do povo Xokleng que vive na reserva Duque de Caxias estarão presentes no evento

Documentário sobre terra indígena alagada no Alto Vale do Itajaí terá pré-lançamento nesta quinta-feira /
Diário Catarinense
Diário Catarinense

O pré-lançamento do documentário "Enchente: o outro lado da Barragem Norte", de Humberto Capucci, ocorrerá nesta quinta-feira, às 18h30, no auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), em Florianópolis. A obra retrata o impacto da construção da barragem na vida do povo Xokleng que vive na reserva Duque de Caxias (Terra Indígena Laklãnõ-Xokleng), nos municípios catarinenses de Doutor Pedrinho, José Boiteux e Vitor Meireles, no Alto Vale do Itajaí.

O filme, que contou com apoio da Regional Sul do Conselho Indigenista Missionário (Cimi), apresenta depoimentos dos próprios indígenas. O documentário pretende ser um espaço de diálogo com a população regional que em grande parte desconhece o problema vivido pelos indígenas. Também tem por objetivo ser um espaço de denúncia das violações promovidas pelas autoridades brasileiras.

De acordo com a produção do filme, a construção da barragem atingiu a vida dos Xokleng Laklãnõ, alagando terras de várzea, cobrindo aldeias e lavouras existentes na década de 1970, auge da ditadura militar. A barragem foi erguida na porta da terra Indígena com o objetivo de conter a força das águas que ameaçavam as populações de Ibirama, Indaial e Blumenau.

Lideranças da tribo vão estar presentes no evento. Na sexta-feira, será a vez da comunidade assistir ao documentário, a partir das 14h, na Escola Estadual João Bonelli, em José Boiteux.

 
 
 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SC"A Moeda Verde está para Florianópolis como a Lava Jato está para o Brasil", diz procurador do MPF -… https://t.co/QhuiPvcP7chá 4 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCFigueirense tem que dar um passo atrás para iniciar a recuperação, observa @RodrigoFaraco: https://t.co/OiqR2dMuTe… https://t.co/jmkY8c2f0Chá 34 minutosRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros