GOL anuncia tarifa econômica para quem não despachar bagagem - Geral - Hora de Santa Catarina

Regras da Anac10/03/2017 | 19h38Atualizada em 10/03/2017 | 19h38

GOL anuncia tarifa econômica para quem não despachar bagagem

Tarifa será mais barata para atender quem não precisa ou prefere não despachar as malas

GOL anuncia tarifa econômica para quem não despachar bagagem Diego Vara/Agencia RBS
Foto: Diego Vara / Agencia RBS

A companhia aérea GOL anunciou uma nova tarifa, a Light, que será mais barata do que as demais para atender quem não precisa ou prefere não despachar bagagens. A alternativa estará disponível a partir do dia 4 de abril. As novas regras da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) que autorizam as companhias aéreas a cobrarem taxas para o despacho de bagagens está prevista para entrar em vigor no próximo dia 14. 

As tarifas Programada e Flexível continuam a incluir, sem custo, uma bagagem de até 23kg e a GOL Premium, disponível apenas nos voos internacionais, dois volumes do mesmo peso. As reservas adquiridas antes de 4 de abril, independente da data do voo, não sofrem alteração. Desta forma, os clientes terão tempo para se familiarizar com as novidades.

Caso o cliente da tarifa Light queira despachar bagagem, esse serviço poderá ser contratado em separado. Nos voos domésticos, o valor para despachar uma mala de até 23kg será de R$ 30 quando adquirida nos canais de autoatendimento e nas agências de viagens, ou R$ 60 no balcão de check-in. Nos voos internacionais, o valor será equivalente a dez dólares no autoatendimento e agências de viagens, e 20 dólares no balcão.

Os clientes dos programas de fidelidade Smiles Prata, Ouro e Diamante terão benefícios especiais: uma, duas e três malas, respectivamente, sempre que voarem GOL.

O excesso de peso, hoje calculado de acordo com a tarifa cheia do voo, será mais barato e de fácil entendimento. O cliente pagará apenas por cada quilo adicional que custará R$ 12 nos voos domésticos e o equivalente a quatro dólares nos internacionais. Todas as tarifas, inclusive a Light, permitirão embarcar com um volume de até 10kg de bagagem de mão em viagens nacionais e internacionais, a partir do dia 14 de março.

Leia também:
Ministério Público pede que Justiça anule cobrança de bagagens em voos

Latam vai cobrar R$ 50 para despachar bagagem de 23 quilos em voos domésticos

Anac deve intervir se empresas não reduzirem preço de passagens ao cobrar por bagagens

Ordem dos Advogados do Brasil anuncia recurso contra cobrança de bagagem no transporte aéreo  

Empresas vão criar regras para cobrança de bagagens: conheça as mudanças no transporte aéreo 

s no transporte aéreo 

 
 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCGiro Motorizado: conheça as equipes e os pilotos da temporada 2017 da Fórmula 1 https://t.co/FRc1jXa1kwhá 12 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCRodrigo Faraco: o primeiro grande desafio da Seleção sob o comando de Tite https://t.co/s6b8hFRmv9 https://t.co/vFKqjx7uDAhá 1 horaRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros