Irã acusa Estados Unidos de provocar tensões no Golfo Pérsico - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

Relações bilaterais08/03/2017 | 11h55Atualizada em 08/03/2017 | 11h55

Irã acusa Estados Unidos de provocar tensões no Golfo Pérsico

Pentágono rebate que os incidentes foram motivados pela atitude "pouco profissional" de navios militares iranianos

AFP
AFP

Um integrante do alto escalão da marinha dos Guardiões da Revolução, tropa de elite do regime iraniano, acusou os Estados Unidos, nesta quarta-feira, de tentar criar "tensões" no Golfo após incidentes na semana passada.

— Um barco da marinha americana que cruzava o estreito de Ormuz modificou o trajeto internacional para se aproximar a 550 metros dos barcos dos Guardiões da Revolução em uma atitude pouco profissional — declarou o comandante Mehdi Hashemi, citado pelo site dos Guardiões, Sepahnews.

Leia mais
Avalanches matam dois esquiadores nos Alpes franceses
Acidente de ônibus provoca 11 mortes e deixa 25 feridos no Equador
Adoção de figuras femininas em semáforos de Melbourne gera debate

— As ações destes últimos dias dos Estados Unidos e do Reino Unido mostram que têm objetivos nefastos, ilegítimos e provocadores. Não apenas não querem a estabilidade e a segurança no Golfo Pérsico e no Estreito de Ormuz, mas tentam criar tensões e uma crise — acrescentou o militar.

Na terça-feira, o Pentágono atribuiu os incidentes ocorridos perto do estreito de Ormuz à atitude "pouco profissional" de navios militares iranianos. Segundo o departamento de Defesa norte-americano, na quinta-feira passada, uma fragata iraniana se aproximou "a menos de 150 metros" de um barco de sua marinha, o USNS Invincible.

E, dois dias depois, no sábado, várias lanchas de ataque iranianas se aproximaram a 300 metros do USNS Invincible, declarou o porta-voz do Pentágono, Jeff Davis. Em ambos os casos, o navio norte-americano e os barcos que o escoltavam precisaram manobrar para evitar um incidente, de acordo com o governo dos Estados Unidos.

Washington afirma com frequência que barcos iranianos perseguem seus navios. No início de janeiro, o destróier americano USS Mahan realizou disparos de advertência ante as lanchas dos Guardiões da Revolução que se aproximavam em alta velocidade.

O USNS Invincible é um barco equipado com um potente radar, que permite seguir a trajetória de mísseis balísticos como os que o Irã utiliza em seus testes.


 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCBom dia! Esta é a capa da Hora deste fim de semana. Leia mais no site: https://t.co/oBcswkffPT #HoraSC https://t.co/lxV7cwFJJEhá 9 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCFigueirense empata com Ceará, que arranca gol nos acréscimos https://t.co/dZctR3nDsk #HoraSC https://t.co/5pwsP4bFKghá 17 horas Retweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros