Abertura de empresas cresce 22,3% em Santa Catarina  - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

 

Empreendedorismo13/02/2018 | 06h00Atualizada em 13/02/2018 | 06h00

Abertura de empresas cresce 22,3% em Santa Catarina 

Desempenho de SC em 2017 é o melhor em pelo menos cinco anos e supera índice de fechamentos, apontam dados da Jucesc e Secretaria de Desenvolvimento Econômico

Abertura de empresas cresce 22,3% em Santa Catarina  Marco Favero/Diário Catarinense
Foto: Marco Favero / Diário Catarinense

O músico Leonardo Lima, 28 anos, sempre teve o sonho do próprio negócio. Chegou a vender bolos, de modo informal, mas a oportunidade de abrir uma empresa veio no ano passado, com a oferta de uma pastelaria e tapiocaria em Florianópolis. Com o pai, Roberto Carlos Pelissari, comprou o ponto. Em cerca de 40 dias, o comércio começou a funcionar com novo CNPJ. A microempresa alimentou a expectativa de crescimento.

— Sempre tive vontade de empreender, só estava vendo o que era mais viável. A gente está no começo, mas já planeja abrir filial dentro de algum tempo — planeja o empresário Lima, que além do sócio, conta com dois funcionários.

Lima diz que o cenário está propício para novos negócios em Santa Catarina. E os números confirmam: em 2017, a abertura de empresas cresceu 22,3% no Estado, maior incremento desde 2012. Os dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável e da Junta Comercial de SC (Jucesc) apontam 96,5 mil novos cadastros no ano passado, incluindo os microempreendedores individuais (MEIs).

Leia mais
Acesse o NSC e fique por dentro do que acontece em SC

Para o analista técnico do Sebrae em Santa Catarina Cláudio Ferreira, o incremento pode estar relacionado principalmente à maior confiança na economia, diante da melhoria dos indicadores. Mas acrescenta que a crise também impacta nesse cenário:

— Tem resquício de pessoas que foram demitidas, depois de anos de crise, que veem no empreendedorismo uma alternativa.

O presidente da Juscesc, Julio Cesar Marcellino Jr., além da situação econômica mais favorável, aponta algumas ações que desburocratizaram a abertura de novos negócios no Estado. Ele cita, como exemplo, o programa lançado no final do ano passado que digitalizou parte do processo.

– Antes, para abrir uma empresa, você levava vários dias. Agora leva 40 minutos. É um conjunto de fatores de ordem econômica, administrativo, tributário que tem uma relação direta com esse incremento – acredita Marcellino Jr.

Cai extinção de negócios

Após dois anos de alta, o número de empresas fechadas voltou a cair. Entre 2016 e 2017, 84,6 mil negócios foram extintos em SC. Apesar do número elevado, o resultado representou queda de 7,8%. Além disso, o índice de empresas abertas voltou a ultrapassar o de extintas, o que não ocorria desde 2014.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico Sustentável, Carlos Alberto Chiodini, o Estado simplificou o processo de fechamento e tornou a base de dados mais fiel. Já Marcellino Jr. afirma que a facilidade também influencia positivamente:

— Muitos tinham dificuldade em abrir nova empresa, porque não conseguiam baixar a outra. Boa parte das extinções são dos que empreenderam em novos negócios.

Maioria das novas é MEI

Dos 96,5 mil novos negócios no Estado, cerca de 72 mil são MEIs. Os microempreendedores individuais responderam por uma parcela de 74%. Além dos incentivos tributários, essa categoria se torna a alternativa para muitos que desejam sair da informalidade.

— O MEI é a primeira porta de entrada para boas oportunidades de negócio, também é o autoemprego. É uma forma de obter rendimento de forma rápida e contribui para o desenvolvimento econômico do Estado — resume Ferreira.

Para Chiodini, a modalidade “faz parte do DNA do catarinense”, pois as cidades que apresentaram maior aumento estão em diferentes regiões. Entre 2016 e 2017, Palhoça, Chapecó e Lages tiveram os maiores saltos em pedidos de CNPJs.

Oito em cada dez empresas de SC têm alguma irregularidade

Confira quais são as melhores empresas para trabalhar em Santa Catarina

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCMP-SC entra com nova ação contra taxa de preservação em Governador Celso Ramos https://t.co/AJFopV6FIdhá 18 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SC"Cronograma de obras está relativamente avançado", diz Dnit sobre construção de terceiras faixas na Via Expressa Co… https://t.co/Zbtpekv9iJhá 27 minutosRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca