Arqueólogos peruanos encontram 20 ídolos de madeira pré-hispânicos em Chan Chan - Geral - Hora de Santa Catarina

Versão mobile

 

Ruinas de Chan Chan22/10/2018 | 20h45

Arqueólogos peruanos encontram 20 ídolos de madeira pré-hispânicos em Chan Chan

AFP
AFP

Uma equipe de arqueólogos encontrou 20 ídolos de madeira de 800 anos em Chan Chan, a cidadela pré-hispânica de barro do norte do Peru, anunciou nesta segunda-feira a ministra da Cultura, Patricia Balbuena.

Os ídolos - 19 em bom estado - permaneceram por séculos cobertos por terra em um dos 10 palácios que formam a cidadela de Chan Chan, junto à cidade de Trujillo, 570 km ao norte de Lima.

As estátuas de 70 centímetros de altura estavam alinhadas em cavidades na parede de um corredor cerimonial decorado com altos relevos de barro, de 33,13 metros de comprimento, dentro de um prédio milenar.

O corredor, cuja entrada foi descoberta em junho, está em Utzh An ou Gran Chimú, um dos dez palácios murados da cidadela, que é visitada a cada ano por milhares de turistas de todo o mundo.

"É um achado importante por sua antiguidade e qualidade da decoração", disse a ministra Balbuena ao visitar o complexo.

Os ídolos, de cor preta, têm máscaras de argila.

Os primeiros ídolos foram descobertos em setembro e "seriam as esculturas mais antigas conhecidas até o momento em Chan Chan", disse o arqueólogo Arturo Paredes, chefe da unidade de pesquisa da cidadela.

Construída pela cultura chimú, que floresceu entre os anos 900 e 1450 na costa norte do Peru, Chan Chan significa "sol resplandecente" no idioma nativo. Tinha dez palácios murados sobre uma área de 20 km2 e em seu auge abrigou cerca de 30 mil pessoas.

Em Chan Chan trabalham cerca de 500 pessoas, incluindo 50 arqueólogos, em cinco projetos de investigação e conservação.

* AFP

 
Hora de Santa Catarina
Busca