Procurador turco pede a prisão de pessoas próximas ao príncipe saudita no caso Khashoggi - Geral - Hora de Santa Catarina

Vers?o mobile

 
 

Istambul05/12/2018 | 06h57

Procurador turco pede a prisão de pessoas próximas ao príncipe saudita no caso Khashoggi

AFP
AFP

O procurador-geral turco pediu nesta quarta-feira a detenção de duas pessoas próximas ao príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohamed bin Salman, no caso do assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi no consulado do reino em Istambul.

O gabinete do procurador-geral de Istambul solicitou mandatos de detenção contra Ahmed al Assiri e Saud al Qahtani, suspeitos de planejar o assassinato, de acordo com um documento transmitido pela Procuradoria ao tribunal.

* AFP

 
Hora de Santa Catarina
Busca