Documentarista registra imagens da Serra do Tabuleiro para livro sobre unidades de preservação - Jornal Hora de Santa Catarina - polícia, futebol, entretenimento e notícias da Grande Florianópolis

Versão mobile

01/06/2011 | 18h00

Documentarista registra imagens da Serra do Tabuleiro para livro sobre unidades de preservação

Fernando Lara já rodou 2,6 mil quilômetros pelo projeto Rotas Verdes Brasil

Documentarista registra imagens da Serra do Tabuleiro para livro sobre unidades de preservação Divulgação/www.rotasverdesbrasil.com.br
Expedição deve seguir até 15 de dezembro e vai passar por 20 estados brasileiros Foto: Divulgação / www.rotasverdesbrasil.com.br

Há 32 dias na estrada, nesta terça-feira à noite foi a vez de o documentarista de natureza Fernando Lara chegar à Grande Florianópolis, onde deve registrar em fotografias e vídeos a fauna, flora e riquezas geográficas da Serra do Tabuleiro, no município de Palhoça. A viagem, que deve durar oito meses, faz parte do projeto Rotas Verdes, e vai resultar em um livro virtual que será disponibilizado gratuitamente pela internet em português, inglês, espanhol e japonês.

Sozinho e a bordo de uma motocicleta, o mineiro percorrerá mais de 18 mil quilômetros, passando por 20 estados brasileiros, para registrar em vídeos e fotografias 30 parques e reservas biológicas do país. Lara tem 10 anos de experiência em captação de imagens em selvas e florestas do Brasil, África e na fronteira com Bolívia e Colômbia.

Do total previsto para a viagem, já  foram percorridos 2,6 mil quilômetros na expedição que começou em Minas Gerais e vem acompanhando o litoral brasileiro. Nesta quinta-feira, o documentarista deve sobrevoar a área do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, o maior do Sul do país, que inclui os municípios de Florianópolis, Palhoça, Santo Amaro da Imperatriz, Águas Mornas, São Bonifácio, São Martinho, Imaruí e Paulo Lopes. 

— No litoral não tem muita diferença, a perturbação antrópica é quase sempre a mesma. A caça predatória e a extração de palmito são os principais problemas que encontrei — avalia.

O e-book vem na carona da Copa do Mundo e das Olimpíadas no Brasil, como forma de divulgar as áreas de preservação em um momento em que todas as atenções estarão voltadas para o país. 

Até sábado o documentarista ficará no Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, onde está alojado no quartel da Polícia de Meio Ambiente. Depois, Lara segue para os Parques Nacionais Aparados da Serra e Serra Geral, na divisa entre Santa Catarina e Rio Grande do Sul. 

A expedição deve continuar até 15 de dezembro, e inclui ainda 30 dias na Amazonia e outros 15 no Pantanal. É possível acompanhar a viagem por meio do site que o documentarista mantém com textos, fotografias e vídeos dos lugares que visita.

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCNeymar recebe salário superior a três milhões de euros por mês. https://t.co/jfMitcRud4 https://t.co/mpZxqXQJojhá 54 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCNebulosidade predomina neste domingo na maior parte de SC. https://t.co/dEZ2Ke9G6v https://t.co/NIMNJDBg57há 1 horaRetweet
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros