Versão mobile

11/05/2012 | 23h47

Dono de loja de móveis some sem entregar encomendas dos clientes em Palhoça

Empresário que trabalhava com móveis planejados teria sumido da região sem pagar funcionários também

Enviar para um amigo
Dono de loja de móveis some sem entregar encomendas dos clientes em Palhoça Betina Humeres/especial/Agencia RBS
Fábrica foi encontrada fechada e sem o maquinário Foto: Betina Humeres/especial / Agencia RBS

O que parecia ser apenas um desentendimento entre clientes e um fabricante de móveis foi parar na polícia em Palhoça. Na Delegacia de Polícia Civil da cidade, há pelo menos 25 boletins de ocorrência registrados contra a Vittoli Móveis pela não entrega de produtos.

O dono da empresa, Aurélio Valmor Sales, não é encontrado desde quinta-feira. Segundo a delegacia, o caso pode ter afetado cerca de 50 clientes que contrataram os serviços de fabricação de móveis planejados. Os boletins foram registrados na tarde de sexta-feira. O imóvel onde a fábrica estava instalada está vazio.

– A quantidade de denúncias reforçou a hipótese de estelionato – afirma o delegado Gustavo Kaiber.

Na manhã de sexta-feira, os empregados da fábrica chegavam para trabalhar, no Bairro Jardim Eldorado, em Palhoça, e ficavam desesperados ao ver que todo o maquinário e os móveis da fábrica haviam sido levados. Eles dizem, ainda, que os pagamentos estão atrasados.

Representantes não foram achados

A reportagem tentou contato com o empresário, por meio do número de celular repassado por funcionários e clientes, até às 23h desta sexta-feira, mas o telefone estava fora de área ou desligado. Nenhum representante da Vittoli Móveis foi encontrado para falar do assunto.

Comentar esta matéria Comentários (10)

luiz

esta cara tinha outra fabrica no ribeirão da ilha que também aconteceu a mesma coisa e ta me devendo até hoje

17/10/2012 | 09h38 Denunciar

Caca

ELE ABRIU OUTRA EMPRESA COM OUTRO NOME, VAI LESAR MAIS PESSOAS??

27/09/2012 | 10h40 Denunciar

hiroito

eu gosto do aurelio.

31/05/2012 | 22h01 Denunciar

Letícia

Este é o mesmo dono da antiga Fábrica Um, lá ele fez a mesma coisa ficou devendo pra funcionários, clientes..., tem várias denuncias no PROCON, muitos processos na justiça, queria colocar tudo no nome dos outros, pq o dele e da esposa estava totalmente sujo, não pagou vários funcionários,só que ele teve sorte que a maioria era parente dele. Passou a perna em todo mundo deu uma de pobre depois abriu essa Vittoli para passar a perna em mais um monte de gente e os funcionários ainda cairam no golpe dele colocando um monte de coisas no nome deles,tramando coisas com o amigo argentino dele, agora fugiu e ninguém sabe,daqui a pouco ele passa a perna em mais gente, ou aparece morto!

16/05/2012 | 11h25 Denunciar

Henrique Olavo

Não existe Receita Federal no Brasil? Cadê a Polícia Federal? Estelionato é caso grave! Cadê a fiscalização? O pior de tudo isso é saber que a gente trabalha tanto para sobreviver e ter alguma coisa dentro de casa, e esse ladrão fica andando de camionete e moto R1 pela cidade de Florianópolis com o nosso dinheiro. Cadê a justiça desse país?

16/05/2012 | 10h19 Denunciar

Henrique Olavo

Minha família também foi lesada nessa situação. Fizemos um contrato para produção de todos os móveis da casa inteira, contrato esse firmado em R$ 21.000,00. Agora acabamos ficando sem o dinheiro e sem os móveis. Verifiquei no site do Tribunal de Justiça de Santa Catarina e constatei que já existe processo de execução contra o Sr. Aurélio Valmor Sales, proprietário da Vittoli Móveis, inclusive com uma manifestação do juiz informando que não foi possível efetuar penhora nos bens do réu, pois o mesmo não possui NENHUM bem em seu nome, ou seja, o acusado já vinha aplicando golpes a vários anos e nenhum órgão de justiça foi capaz de detê-lo. Não existe fiscalização no Brasil?

16/05/2012 | 10h17 Denunciar

JULIANA

EU PERDI 30 MIL E ESTOU MANDAO VARIO EMAIL PARA O FANTASSTICO, PARA POR A FOTO DESTE SAFADO EM REDE NACIONAL

14/05/2012 | 21h07 Denunciar

Sabrina

Eu e minha família, estamos entre os clientes lesados nesta situação. Já chegou ao nosso conhecimento, que o proprietário da loja já aplicou o mesmo golpe em 1997. E nada de justiça neste caso, e ainda a mídia brasileira tem coragem de publicar frases como esta:"Brasil, um país de todos". Irônico não? Quanto ao maquinário, não foi o proprietário quem removeu, parte foram os fornecedores(pois eram financiados) e a outra parte foi saqueada pelo funcionários enlouquecidos depois de ficarem 3 meses sem receber, inclusive show room. Devemos nos contar felizes, pois mesmo perdendo 12 mil reais, fomos os menos lesados. Houve casos de pessoas que perderam mais de 200 mil reais.

14/05/2012 | 09h14 Denunciar

Karla

Gostaria de salientar ao público de forma geral que esta empresa nunca foi e não faz parte do segmento de indústrias de móveis planejados. A Vittoli enganou todos os seus clientes tentando se colocar neste segmento sendo apenas uma marcenaria. Vale ressaltar que há marcenarias na região da mais alta qualidade e que primam por sua clientela diferentemente desta empresa de picaretas e trapaceiros. Móveis planejados são móveis modulados, industrializados e planejados para serem adaptados ao espaço dos clientes. São produtos que possuem garantia e assistência de fábrica. Clientes: sempre desconfiem de quem oferece casa completa por valores muito abaixo do mercado.

12/05/2012 | 18h48 Denunciar

Fernando

olhando o site da empresa, tem lá que eles confiam em deus. mais uma prova que se você precisa colocar isso como argumento de vendas, você não merece confiança.

12/05/2012 | 09h36 Denunciar

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Jornal Hora de SCCachorro que estava dentro de carro é levado durante assalto em Florianópolis http://t.co/2913fkrMPghá 5 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Jornal Hora de SCColuna Laine Valgas: cerca de 18 milhões de brasileiras têm prisão de ventre, revela pesquisa http://t.co/pC97FVENJChá 6 horas Retweet
clicRBS
Nova busca - outros