Corpo de turista morta no RJ é sepultado em Florianópolis - Jornal Hora de Santa Catarina - polícia, futebol, entretenimento e notícias da Grande Florianópolis

Vers?o mobile

 
 

Polícia25/11/2018 | 15h25Atualizada em 26/11/2018 | 06h37

Corpo de turista morta no RJ é sepultado em Florianópolis

Cerimônia ocorreu na tarde deste domingo (25), no Cemitério do Rio Vermelho

Corpo de turista morta no RJ é sepultado em Florianópolis Tiago Ghizoni/Diário Catarinense
Corpo chegou ao Aeroporto Hercílio Luz, na tarde deste domingo (25) Foto: Tiago Ghizoni / Diário Catarinense

Uma cerimônia rápida marcou a despedida de familiares e amigos da catarinense Fabiane Fernandes, 30 anos, que foi encontrada morta perto de uma trilha em Arraial do Cabo, no Rio de Janeiro, na última quarta-feira.

O corpo dela foi trazido de avião para Florianópolis, onde ela morava, na tarde deste domingo. Na Capital, os procedimentos do velório e do sepultamento de Fabiane no cemitério do Rio Vermelho, no Norte da Ilha, tiveram de ser breves devido ao estágio avançado de decomposição. Fabiane deixou um filho de 9 anos. Ela era empresária e administrava uma pousada da família nos Ingleses.

Abalados, parentes da vítima preferiram não dar entrevistas. Por enquanto, familiares ainda têm poucas respostas sobre o que aconteceu com a catarinense no Rio de Janeiro.

A moça havia desaparecido no dia 18 de novembro, um domingo, depois de entrar em uma trilha. A última pista deixada por ela foi uma foto publicada nas redes sociais mostrando o local. Foram três dias de buscas na região até que a encontrassem morta em meio aos arbustos, a 30 metros da rota da trilha, nua e com os pertences ao lado.

De acordo com o Instituto Médico Legal (IML) de Araruama (RJ), Fabiane tinha sinais de golpes na cabeça e no rosto, além de vestígios de violência sexual. A suspeita é de que ela tenha sido atingida por uma pedra e morreu no mesmo dia em que acessou a trilha. A polícia fluminense não deu detalhes sobre as agressões, já que o laudo pericial só deve ficar pronto em dezembro.

Polícia do RJ lança disque denúncia para encontrar assassino de Fabiane

Na sexta-feira (23), a Polícia Civil do Rio de Janeiro lançou uma campanha do disque-denúncia solicitando informações que levem ao paradeiro dos assassinos de Fabiane. Quem puder ajudar nas investigações deve entrar em contato pelo telefone (21) 2253-1177 ou no WhatsApp (21) 98449-6099.

Leia mais:

Saiba quem era a turista de Florianópolis morta no Rio de Janeiro

Moradora de Florianópolis foi morta com golpes na cabeça e no rosto em Arraial do Cabo

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCSuspeita de bomba em carro de vereador mobiliza polícia no Centro de Florianópolis https://t.co/2z911mM227há 2 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCElenco exalta força do Figueira após oitava vitória no Estadual https://t.co/cwV3GMN61Uhá 2 horas Retweet
Hora de Santa Catarina
Busca