Deic surpreende ladrões e prende três caixeiros dentro de agência em Imaruí - Polícia - Hora

Versão mobile

Flagrante10/07/2016 | 10h35Atualizada em 10/07/2016 | 14h59

Deic surpreende ladrões e prende três caixeiros dentro de agência em Imaruí

Polícia mobilizou equipes de madrugada no Sul do Estado.

Deic surpreende ladrões e prende três caixeiros dentro de agência em Imaruí Polícia Civil/Divulgação
Presos são de Joinville e já tinham passagens por tentativa de homicídio, roubo e furto, conforme a polícia Foto: Polícia Civil / Divulgação

Ao tentarem arrombar um caixa eletrônico com um maçarico em uma agência bancária na rua Nereu Ramos, em Imaruí, três homens foram presos em flagrante. O ataque ao Banco do Brasil no Sul do Estado foi às 5h da madrugada. Policiais civis da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (Deic) de Florianópolis obtiveram informações sobre a possibilidade de arrombamentos de caixas eletrônicos em cidades da região, como em Imbituba, e mobilizaram equipes.

Acompanhe as últimas notícias do Diário Catarinense

De acordo com o delegado Anselmo Cruz, da Divisão de Roubos e Antissequestro (Dras) da Deic, os criminosos também estavam com uma lança térmica para arrombar o caixa eletrônico. Possivelmente pretendiam abrir dois equipamentos.

— Recebemos a informação sobre possível ação de criminosos na região de Imbituba e Imaruí, mas não sabíamos se eram ladrões que agem com explosivos ou maçaricos. Deslocamos equipes da Deic para vários pontos estratégicos e de madrugada surpreendemos eles quando estavam dentro da agência em Imaruí — contou o delegado.

Os ladrões deixaram o carro em que estavam perto do banco e chegaram a pé ao local. A polícia invadiu o banco assim que um dos criminosos acionou o maçarico — os autores estavam desarmados e não houve nenhuma reação.

Foto: Divulgação / Polícia Civil

Os presos são Edson Vânio Guesser Filho, 22 anos, Ezequiel Alfredinho dos Passos, 27 e Alex Sandro de Oliveira, 26, todos de Joinville. Eles foram levados para a Deic em Florianópolis e vão responder por furto duplamente qualificado. Ainda conforme o delegado, os suspeitos são já tinham passagens por tentativa de homicídio, roubo e furto. A reportagem não teve acesso aos presos neste domingo e não conseguiu localizar os seus advogados.

Na madrugada de sábado houve outra ação semelhante, em Blumenau, quando a explosão resultou na morte de um homem, em uma agência da Viacredi.


 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros