Padre condenado por abuso sexual preso em Barra Velha tira a própria vida em penitenciária mineira - Polícia - Hora

Versão mobile

Segurança07/08/2016 | 17h40

Padre condenado por abuso sexual preso em Barra Velha tira a própria vida em penitenciária mineira

Bonifácio Buzzi era suspeito mais uma vez de abusar de crianças, de 9 e 13 anos, em Minas Gerais

Padre condenado por abuso sexual preso em Barra Velha tira a própria vida em penitenciária mineira Polícia Civil de Três Corações/Divulgação
Padre foi preso na manhã desta sexta-feira em Barra Velha Foto: Polícia Civil de Três Corações / Divulgação

O padre preso suspeito de abusar sexualmente de crianças foi encontrado morto em uma cela da Penitenciária de Três Corações, no Sul de Minas Gerais, onde estava desde a última sexta-feira, após ser preso em Barra Velha, no Norte de Santa Catarina.

De acordo com informações repassadas pela Polícia Civil da cidade mineira, Bonifácio Buzzi, 57 anos, foi encontrado morto dentro da cela por um agente penitenciário por volta das 7 horas da manhã de domingo. Ele estava sozinho no local desde a prisão.

O corpo foi levado ao IML da cidade. Um irmão de Bonifácio já fez contato com a polícia para tratar sobre a liberação do corpo.

A EPCTV Sul de Minas, afiliada da Rede Globo na região, informou que Bonifácio teria se enforcado.

Leia as últimas notícias sobre Joinville e região no AN.com.br

Na última sexta-feira, o delegado regional da cidade do Sul de Minas Gerais, Pedro Paulo Marques, responsavel pela prisão, informou que o padre já havia sido condenado a 20 anos de prisão por abuso sexual. Ele ficou preso em regime fechado de 2007 até 2015, quando passou a cumprir a pena em regime aberto.

A nova denúncia surgiu em junho deste ano. O padre teria abusado sexualmente de uma criança de 9 anos e de um adolescente de 13 anos em uma comunidade cristã em Três Corações. Após a investigação, a Polícia Civil representou com um pedido de prisão preventiva, cumprido nesta sexta-feira no Norte de SC.

Segundo o delegado, o homem tinha residência em Joinville, mas estava foragido na casa da irmã em Barra Velha. Bonifácio será encaminhado até Três Corações, onde será levado ao presídio da cidade mineira.

O nome do padre foi citado no filme "Spotlight - Segredos Revelados", que ganhou o Oscar de melhor filme e mostra a história real de um grupo de jornalistas norte-americanos que denunciam diversos casos de abusos sexuais contra crianças cometidos por padres católicos.

A Diocese de Joinville emitiu nota informando que o padre não tinha vínculo com a Igreja Católica no município. Segundo a diocese, Bonifácio está afastado do trabalho em comunidade e suspenso das atividades como padre.

Confira a nota da Diocese de Joinville na íntegra:

Bonifácio Buzzi, após anos afastado do trabalho em comunidade, está suspenso de suas atividades como padre. Foi dado entrada no processo junto à Santa Sé para a sua retirada do ministério clerical. Todo o processo está sendo feito pela Diocese de Mariana/MG. Sendo assim, Bonifácio não tem mais ligação com a Diocese de Joinville e residia sozinho no local onde foi preso, sem ligação com a comunidade.

A NOTÍCIA

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros