Polícia Civil prende mulher com pertences de casal francês assaltado em Palhoça - Polícia - Hora

Versão mobile

Assalto seguido de estupro20/10/2016 | 18h39Atualizada em 20/10/2016 | 18h44

Polícia Civil prende mulher com pertences de casal francês assaltado em Palhoça

O casal esteve na delegacia e reconheceu os objetos

A Polícia Civil, através da delegada Eliane Chaves, titular da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso de Palhoça, prendeu em flagrante na tarde desta quinta-feira uma senhora que estava com duas nécessaires roubadas do casal francês vítima de um assalto, seguido de estupro à mulher de 31 anos, na madrugada do dia 12 de outubro, em um parque ecológico do centro da cidade. 

A mulher, de idade avançada, informou a delegada, foi presa em flagrante por receptação de produtos roubados. Eliane, agora, investigará uma possível participação da suspeita no crime cometido contra os franceses. 

O casal esteve na delegacia de Palhoça e reconheceu os objetos como seus. Enquanto conversava com a reportagem, a delegada Eliane ainda concluía a prisão em flagrante da suspeita — presa enquanto caminhava pelo centro de Palhoça —, que agora aguarda vaga no sistema prisional.

— Agora, vamos apurar se ela participou, teve algum envolvimento com os crimes praticados contra as vítimas. As nécessaires estavam vazias, e o importante é que demos mais um passo na investigação — observa Eliane.

A delegada também aguarda a entrega do resultados dos laudos dos exames de corpo de delito feitos nas vítimas pelo Instituto Geral de Perícias (IGP). Além disso, revela a delegada, um novo exame será solicitado para ser feito no francês de 38 anos, que segundo Eliane, teve um tímpano perfurado pelas agressões que sofreu.

— É uma lesão grave, e teremos que pedir exame para avaliar a extensão dos danos. A lesão se deu pelos socos e chutes que a vítima sofreu — conta Eliane.

O crime

Um casal de viajantes franceses, que percorria a América do Sul de bicicleta, foi assaltado à mão armada por três homens, que na sequência estupraram a mulher de 31 anos. O crime aconteceu na madrugada de quarta-feira, 12 de outubro, por volta de 1h30min, quando o casal parou para acampar em um parque ecológico que fica nas proximidades do estádio Renato Silveira, do Guarani de Palhoça. 

Conforme a Polícia Civil, o crime ocorreu em uma região isolada do centro de Palhoça, quando três homens abordaram o casal, amarraram o homem de 38 anos, estupraram a vítima, e levaram os pertences dos franceses, incluindo as bicicletas, notebook e roupas. O homem foi agredido com socos e chutes. Como o local estava escuro, as vítimas não puderam repassar maiores detalhes dos criminosos.

Nesta quinta-feira, um evento será realizado para arrecadar recursos para que os franceses sigam viagem.

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros