Idoso desaparecido há mais de uma semana é encontrado morto na Cachoeira do Bom Jesus - Polícia - Hora

Versão mobile

No mangue08/11/2016 | 19h17Atualizada em 08/11/2016 | 19h22

Idoso desaparecido há mais de uma semana é encontrado morto na Cachoeira do Bom Jesus

Por enquanto, nenhuma hipótese é descartada pelos policiais, tanto que delegado Ênio Mattos, titular da Delegacia de Homicídios, acompanhou a remoção do corpo ao IML

Idoso desaparecido há mais de uma semana é encontrado morto na Cachoeira do Bom Jesus Arquivo Pessoal/Divulgação
Foto: Arquivo Pessoal / Divulgação

Oito dias depois de sair para caminhar e não ser mais visto, o aposentado Ornélio da Costa Machado, 81 anos, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira, próximo a uma região de mangue, na Cachoeira do Bom Jesus, quase no limite com Ponta das Canas, no norte da Ilha. 

O corpo de Ornélio foi encontrado por volta de 17h por pescadores atraídos pelo forte odor e pela presença de urubus. De acordo com o delegado Vanderlei Redondo, titular da Delegacia de Pessoas Desaparecidas, o corpo do idoso estava em avançado estado de decomposição. Somente o trabalho de perícia do Instituto Médico Legal (IML) vai precisar a causa da morte e o dia em que ela ocorreu.

Por enquanto, nenhuma hipótese é descartada pelos policiais, tanto que delegado Ênio Mattos, titular da Delegacia de Homicídios, acompanhou a remoção do corpo ao IML. Ornélio estava dentro do mangue, em meio à arbustos e árvores. Conforme o delegado Redondo, com a vítima foi encontrada sua carteira, com documentos e dinheiro, além de seu relógio.

— O corpo estava no meio do mato, e pescadores sentiram um forte cheiro, além de notarem a presença de urubus. Ainda não podemos dizer o que de fato ocorreu, e por isso nenhuma hipótese é descartada. Tanto pode ter sido uma morte natural, como pode ter havido violência — relata Vanderlei Redondo.

Ornélio, aposentado do Exército do Brasil, era casado há 54 anos com Mara Regina da Silva Machado, 71 anos. Ela revelou ao Hora de Santa Catarina que na manhã do dia 31 de outubro, Ornélio, como de costume, saiu para fazer sua caminhada matinal até a praia. 

Mara afirmou, na ocasião, que vários vizinhos viram e conversaram com seu Ornélio, que devido à maré alta na região do trapiche da praia da Cachoeira do Bom Jesus teria dado meia volta e caminhado em direção à Canasvieiras.

Leia mais
Sumiço de idoso em Florianópolis completa quatro dias e polícia não tem pistas do paradeiro 
Idoso de 81 anos desaparece após sair para caminhar na Cachoeira do Bom Jesus

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros