"Que Deus abençoe os parentes dessas pessoas que faleceram", diz socorrista em Porto Rico - Polícia - Hora

Versão mobile

Crime em Ponce03/11/2016 | 20h15Atualizada em 03/11/2016 | 20h59

"Que Deus abençoe os parentes dessas pessoas que faleceram", diz socorrista em Porto Rico

Vídeo registra oração dos profissionais de saúde que atenderam à ocorrência das crianças catarinenses mortas

"Que Deus abençoe os parentes dessas pessoas que faleceram", diz socorrista em Porto Rico Reprodução/Portal Primeira Hora
Foto: Reprodução / Portal Primeira Hora

Um vídeo divulgado pelo portal Primera Hora, de Ponce, em Porto Rico, registrou o momento em que, emocionado, um dos socorristas que atenderam à ocorrência das três crianças catarinenses encontradas mortas na casa dos pais faz uma oração em que pede que Deus abençoe os familiares das vítimas – todas nascidas em Criciúma de mãe natural de Forquilhinha, no Sul de Santa Catarina.

A polícia local trabalha com a hipótese de que o pai das crianças, Erik R. Seguinot Ramírez, de 50 anos, matou os filhos e depois se enforcou, nos fundos da residência onde eles viviam. 

Apesar da baixa qualidade do áudio – o motor da ambulância ao lado da qual os socorristas estão parados está ligado –, é possível ouvir que o profissional, em prantos, pede a Deus que "abençoe os parentes dessas pessoas que faleceram", assim como "cada um de nossos familiares".

Para assistir ao vídeo, clique aqui.

Leia mais sobre o caso:

Brasileira que teve os filhos mortos em Porto Rico tinha medo do marido, diz família
Três crianças catarinenses são encontradas mortas em Porto Rico


 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros