Suspeito preso em São José teria estuprado francesa em Palhoça - Polícia - Hora

Versão mobile

Investigação16/11/2016 | 17h52Atualizada em 16/11/2016 | 17h52

Suspeito preso em São José teria estuprado francesa em Palhoça

Homem foi localizado no último domingo. Outras duas pessoas, com mandados emitidos por roubo, seguem foragidas

A delegada Eliane Chaves, titular da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso de Palhoça, afirma que o homem preso no domingo por policiais do 16° Batalhão de Polícia Militar de São José, na Praia de Fora, é o responsável pelo estupro da mulher francesa de 31 anos, que foi assaltada junto com seu marido em um parque ecológico do Centro de Palhoça, na madrugada de 12 de outubro.

O suspeito, cujo nome a reportagem só vai divulgar quando localizar seu advogado, sofreu uma abordagem de rotina dos PMs, que constataram a existência de um mandado de prisão em aberto pelo assalto seguido de estupro contra o casal de viajantes franceses. 

A delegada Eliane, que comanda a investigação, ainda não conseguiu tomar o depoimento do suspeito, pois ele foi encaminhado diretamente ao sistema prisional. Ela já solicitou à Justiça a oitiva do acusado, mas não é certo que isso ocorra ainda nesta semana. 

— O homem preso é o que tinha mandado de prisão em aberto pelo estupro. Os outros dois são procurados pelo roubo. Já concluí o inquérito e o encaminhei ao fórum para depois o Ministério Público se manifestar — explica a delegada Eliane.

A prisão do suspeito de estupro ocorreu por volta do meio-dia de domingo, quando a PM desconfiou dele e de três outros homens que estavam próximos a uma residência aparentemente vazia, na Praia de Fora, em São José.

O suspeito foi encaminhado ainda no domingo para o Presídio da Agronômica, em Florianópolis. Outros dois acusados de cometerem os crimes contra os franceses seguem foragidos. Eles também estão com mandados de prisão em aberto pelo caso de Palhoça.

 

 
 
Hora de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros