Homem é encontrado morto dentro de carro na Via Expressa Sul, em Florianópolis - Polícia - Hora

Versão mobile

Com um tiro na cabeça13/11/2017 | 19h23Atualizada em 13/11/2017 | 20h18

Homem é encontrado morto dentro de carro na Via Expressa Sul, em Florianópolis

Ao consultar a placa do carro, os policiais perceberam se tratar de um veículo com registro de roubo em 4 de novembro, cuja placa original é MlP 6190, de Florianópolis

  

O corpo de um homem foi encontrado morto dentro de veículo Hyunday HB 20, de cor preta, na Via Expressa Sul, logo após a saída do túnel Antonieta de Barros, no sentido centro-bairro, em Florianópolis, no início da tarde desta segunda-feira.  O carro, que estava parado no início da ciclovia em direção ao bairro Saco dos Limões, chamou a atenção de uma motocicleta da Polícia Militar (PM), pois populares informaram aos policiais do 4º Batalhão que o veículo parecia abandonado em um trecho de mata. Ao chegar, os PMs constaram que havia um homem morto dentro do carro com um tiro na cabeça. 

Peritos do Instituto Geral de Perícias (IGP) estiveram no local, constaram que a vítima estava sem documentos e recolheram o corpo à espera da identificação por familiares. De acordo com a assessoria de imprensa do IGP, a vítima tinha uma tatuagem com a inscrição Caíque. No interior do veículo, a polícia encontrou três cápsulas de .40, duas televisões, um videogame Playstation 3 e um carregador Taurus para calibre 9 mm. Ao consultar a placa do carro, os policiais perceberam se tratar de um veículo com registro de roubo em 4 de novembro. A placa original do carro é MlP 6190, de Florianópolis. O veículo foi levado para a 5º Delegacia de Polícia da Capital. 

O caso agora será investigado pela Delegacia de Homicídios, cujo titular Ênio Mattos, vai averiguar se o crime tem relação com a guerra de facções criminosas que fez estourar o número de mortes violentas na Capital em 2017. Mattos afirma que se trata de mais um caso de homicídio na cidade este ano. Agora, com esta morte e a de um homem decapitado no meio da rua na comunidade Chico Mendes, região continental da Capital, na noite de domingo (12), Florianópolis chega a 140 mortes violentas em 2017, bem acima dos 84 registros feitos em todo ano de 2016. 

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SC"O torcedor vai apoiar e vamos fazer o nosso melhor", projeta lateral do Avaí: https://t.co/j1oXyK2Vra https://t.co/ueIIoGDPxRhá 5 horas Retweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCFigueirense acerta a renovação de Zé Antônio, Jorge Henrique, João Paulo e André Luís: https://t.co/3BQozpvOeYhá 6 horas Retweet

Veja também

Hora de Santa Catarina
Busca