Homem mata a namorada a facadas e Florianópolis registra 46 mortes violentas em 2018 - Polícia - Hora

Versão mobile

 

Na região continental06/04/2018 | 19h38Atualizada em 07/04/2018 | 11h04

Homem mata a namorada a facadas e Florianópolis registra 46 mortes violentas em 2018

Uma mulher de 53 anos, chamada Jaqueline Alves, natural de Blumenau, foi encontrada morta na tarde desta sexta-feira, na rua Dib Cherem, no bairro Capoeiras, região continental de Florianópolis. Ela teria sido morta pelo namorado durante a madrugada desta sexta-feira. Ele, um homem de 39 anos, usou uma faca para matá-la, mas antes também a agrediu fisicamente. 

Segundo a Polícia Civil, o homem sofre de transtornos psiquiátricos e no momento do crime estaria em meio a um surto psicótico. Mesmo após matar a namorada, o homem permaneceu horas dentro de casa, e após a chegada da polícia, ameaçou se matar. Ele, contudo, foi contido por policiais e levados por socorristas do Samu para internação na Colônia Santana, em São José.

Responsável pela investigação, o delegado Ênio Mattos, titular da Delegacia de Homicídios da Capital, conta que vizinhos desconfiaram da movimentação na residência do casal, além de sangue escorrendo pela porta, e chamaram a polícia. 

— O homem teve um surto psicótico, estava louco, e matou a namorada. Vizinhos viram sangue, o próprio homem estava todo sujo de sangue, ameaçando se matar, quando foi para a ambulância do Samu direto para a Colônia Santana — explica o delegado Ênio. 

Com mais este homicídio, Florianópolis registra agora 46 mortes violentas em menos de 100 dias de 2018. O número é menor do que as quase 60 mortes violentas registradas no mesmo período em 2017. 

Mortes violentas na Capital (até 6/4):

Homicídios - 35

Latrocínio - 1

Lesão corporal seguida de morte - 0

Confronto policial - 10

Total: 46

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCLateral do Figueirense presta solidariedade a Betinho, que se recupera de cirurgia. https://t.co/QcRu97Khl9há 1 horaRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCConfira a situação do transporte coletivo e outros serviços durante o sábado em SC. https://t.co/Ou1dPnexX3há 2 horas Retweet

Veja também

Hora de Santa Catarina
Busca