Operação que reúne mais de mil PMs tem barreiras e apreensões na Grande Florianópolis - Polícia - Hora

Versão mobile

 

Segurança04/05/2018 | 18h42Atualizada em 04/05/2018 | 18h42

Operação que reúne mais de mil PMs tem barreiras e apreensões na Grande Florianópolis

No norte da Ilha, barricadas foram derrubadas. No Continente, motorista tentou fugir e foi preso com droga e munições

Operação que reúne mais de mil PMs tem barreiras e apreensões na Grande Florianópolis Felipe Carneiro/Diário Catarinense
Foto: Felipe Carneiro / Diário Catarinense

Mil policiais militares participam de uma operação na Grande Florianópolis que começou na manhã desta sexta e encerra neste sábado. Denominada 24h/1000, a ação foi anunciada ao final da solenidade de 183 anos da Polícia Militar.

O secretário de Segurança Pública, Alceu de Oliveira Pinto Júnior, disse que o objetivo da iniciativa é realizar policiamento em geral nas cidades da região, seja em áreas críticas ou não, a fim de marcar presença policial.

O comando da PM mobilizou policiais do interior para a Capital. Segundo o comando, a operação é uma das maiores realizadas no Estado em termos de efetivo mobilizado.

Diferentemente de outras mobilizações, a operação 24h/1000 não irá cumprir mandados de busca e apreensão ou de prisões. O planejamento prevê foco em policiamento ostensivo nas áreas mais sensíveis da criminalidade, centros comerciais e barreiras, além de patrulhamentos táticos.

O contingente saiu do centro de ensino da PM, na Trindade. No fim da tarde, apesar de não ter um saldo parcial fechado, a corporação contabilizava ocorrências registradas durante o andamento dos trabalhos. De acordo com o tenente-coronel Alessandro Marques, da comunicação social da corporação, foram feitas apreensões de pequenas porções de maconha no norte da Ilha. Na Vila União, na mesma região, a Comcap foi chamada pra tirar uma barricada. No Continente, na região conhecida como Maloca, um motorista tentou fugir de barreira e bateu o carro. Com ele, foi encontrada cocaína, munição e rádios comunicadores. O homem, contra o qual havia mandados de busca e apreensão em aberto, foi preso em flagrante. 

A operação está concentrada em Florianópolis, Palhoça e São José, mas barreiras foram feitas em outras cidades da região, como Angelina. Segundo a PM, ocorrem incursões em áreas mais expostas, como o Morro do Horácio, na região central da Capital, mas também outras atividades, como fiscalização da Polícia Ambiental a construções irregulares nas praias.

— É uma ação bem forte, com concentração de efetivo inédita — afirma o tenente-coronel.

Pela manhã, o secretário Alceu afirmou que pretende repetir o trabalho em outras cidades como Joinville, Blumenau, Chapecó e Criciúma nos próximos meses.

Leia mais notícias da Grande Florianópolis

 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCLateral do Figueirense presta solidariedade a Betinho, que se recupera de cirurgia. https://t.co/QcRu97Khl9há 1 horaRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCConfira a situação do transporte coletivo e outros serviços durante o sábado em SC. https://t.co/Ou1dPnexX3há 2 horas Retweet

Veja também

Hora de Santa Catarina
Busca