Polícia prende suspeito de matar professora e descartar o corpo na rua em São José - Polícia - Hora

Vers?o mobile

 

Homicídio04/05/2018 | 20h02Atualizada em 04/05/2018 | 20h24

Polícia prende suspeito de matar professora e descartar o corpo na rua em São José

Salete foi vista pela última vez com vida em 31 de março, quando ela aparece em imagens de câmeras de monitoramento de um prédio na avenida Presidente Kennedy, uma das principais vias josefense.

Hora de Santa Catarina
Hora de Santa Catarina

redacaohsc@somosnsc.com.br

A Polícia Civil prendeu um mecânico de 65 anos por suspeita de participação na morte da professora aposentada Salete Ribeiro Martins, também de 65 anos, ocorrida no dia 31 de março, em São José. Os investigadores deram cumprimento a um mandado de prisão preventiva contra o homem por participação em crime de homicídio qualificado. O suspeito, porém, é investigado por ter ajudado a desovar o corpo da vítima em via pública.  Ele foi preso em sua oficina mecânica, no bairro Campinas, em São José. 

Já o suspeito de matar Salete é filho do mecânico, tem 45 anos e está foragido. A polícia tenta esclarecer se ele mantinha algum tipo de relacionamento com a vítima ou se aproximou dela porque ela tinha interesse em comprar um imóvel, para o qual teria dinheiro guardado. A Polícia Civil realiza diligências na tentativa de prender o outro indiciado. Com a eventual prisão desse outro homem, o delegado Manoel Galeno, da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de São José, responsável pela investigação, pretende esclarecer o caso. 

— Ainda não sabemos a motivação para o crime. Temos que esclarecer também por que a vítima foi aquele apartamento, o que ela foi fazer lá, porque essas questões ainda não estão claras — diz o delegado Galeno. 

Salete foi vista pela última vez com vida em 31 de março, quando ela aparece em imagens de câmeras de monitoramento de um prédio na avenida Presidente Kennedy, uma das principais vias josefense.  O prédio em questão seria o local onde morava o mecânico preso nesta sexta. No dia seguinte a sua última aparição pública, domingo de Páscoa, o corpo de Salete foi encontrado totalmente desfigurado dentro de um armário em uma calçada da Presidente Kennedy. 



 

Siga Hora no Twitter

  • horasc

    horasc

    Hora de SCNight Run Costão do Santinho entra na reta final de inscrições https://t.co/MHEDLn4VIXhá 18 minutosRetweet
  • horasc

    horasc

    Hora de SCFutsal de Blumenau inicia os treinamentos com foco na temporada de 2019 https://t.co/9vMrzYC2tuhá 18 minutosRetweet

Veja também

Hora de Santa Catarina
Busca